in

Deputado que pediu impeachment de Bolsonaro sofre duro castigo

Veja / Montagem
Publicidade

O deputado distrital Leandro Grass ficou famoso em todo o país, após protocolar o impeachment do presidente da república, Jair Bolsonaro. Ele enviou o documento nesta semana para a câmara de deputados. A atitude do deputado ocorre em meio à pandemia do coronavírus no país, que até a tarde desta quarta-feira, 18 de março, já tinha mais de 360 casos confirmados da doença, além de dois óbitos.

No entanto, nem tudo são flores para a vida do parlamentar. O deputado distrital Leandro Grass sofreu um duro castigo, como mostra uma matéria publicada nesta quarta-feira, 18 de março, pelo site da revista Veja. O deputado tem sido ameaçado nas redes sociais. Algumas até mesmo de morte.

Leandro comparou os seguidores do presidente da república a um Exército, que age com força e sem escrúpulos. “Recebi cerca de 15.000 mensagens de ataques, algumas falando para eu não sair na rua e ameaçando minha integridade física, após o deputado Eduardo Bolsonaro postar sobre o pedido no Twitter dele. Estou selecionando as ameaças e farei um boletim de ocorrência.’, disse o deputado distrital ao falar sobre o tema.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O deputado federal disse ainda que não falou com Marina Silva, da Rede, sobre a decisão de protocolar o impeachment do presidente de Bolsonaro. Outro deputado, Alexandre Frota, adiou a entrega do documento contra o presidente.

Bolsonaro ainda não comentou as decisões dos parlamentares em quererem sua deposição. O presidente tem estado em um mau momento do governo, após atitudes consideradas “erráticas” contra o coronavírus.

Publicidade
Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.