in

Especialistas apontam os 3 principais sintomas do coronavírus em bebês e crianças

Divulgação/bebemamae
Publicidade

O coronavírus (COVID-19) tem provocado grande preocupação no mundo inteiro. A OMS – Organização Mundial de Saúde, já deixou claro que o planeta está passando por uma pandemia deste novo vírus. Por esse motivo, é extremamente importante ter todas as informações corretas sobre a doença. Como prevenir, os sintomas e o tratamento correto do COVID-19.

Os especialistas da AAP – Academia Americana de Pediatria deram mais informações sobre o COVID-19 e os efeitos nos bebês e crianças. Até o momento os pequenos saudáveis não são parte do grupo de risco para a enfermidade. Apesar disso, os pais precisam ter as informações certas para evitar que os filhos possam contrair a doença.

Afinal de contas, eles podem transmitir para aqueles que fazem parte do grupo de risco. Os principais sintomas da doença são a febre (que pode ser leve ou severa), tosse (também pode variar de leve a severa) e dificuldade respiratória, que pode variar de leve a severa. Por isso, se o seu filho tiver sido exposto a alguma pessoa portadora do coronavírus e apresente alguns dos sintomas, procure logo a ajuda de um pediatra.

Publicidade

Segundo a AAP, Para proteger sua família do COVID-19 é preciso alguns cuidados simples, que estão diretamente ligados a higiene e bom senso. Abaixo estão algumas dessas dicas para ajudar a prevenir a doença e tentar manter a família segura.

Publicidade

Higienização das mãos

Lavar as mãos com frequência é uma das maiores recomendações dos especialistas. A lavagem deve ocorrer por pelo menos 20 segundos para uma boa eficácia. Caso não tenha água e sabão à disposição, use álcool em gel que tenha concentração 70%.

Evitar aglomerações

Nesse momento em que o surto do coronavírus se espalha com rapidez, o ideal é manter as crianças longe de pessoas que estejam doentes. Caso os pequenos tenham alguma doença, eles devem ser mantidos em casa. A recomendação é que a população evite qualquer tipo de aglomeração.

Etiqueta da gripe

O correto é usar a mesma recomendação da etiqueta da gripe. Por isso, ensine aos filhos que quando tossir ou espirrar deve-se cobrir o rosto com os braços e não com as mãos ou usar um lenço de papel.

Ambientes

A casa deve ser mantida bem arejada e limpa, e os ambientes precisam estar bem ventilados. Além disso, não se deve compartilhar nenhum tipo de objeto pessoal.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Shyrlene Souza

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, mas principalmente sobre o tema maternidade. "Busco levar a vida seguindo o manual do criador, a Bíblia". Tem uma sugestão de pauta? Faça contato comigo: shyrlenepsouza@yahoo.com.br