Coronavírus: anti-inflamatório agrava a doença? Médicos fazem alerta

Leia também

‘Meu marido com HIV se casou com minha filha e eles me expulsaram’, diz mãe

A história da mulher se tornou conhecida depois que ela foi entrevista na televisão.

Bananas caramelizadas com creme em tacinhas individuais é a melhor pedida para o final de semana

Aquela sobremesa de Domingo baratinha e deliciosa que vai fazer tanto sucesso na família e todo mundo vai pedir a receita!

Vidente revela se finalmente Bolsonaro vai demitir Mandetta e faz mais previsões

Através de novo vídeo vidente comenta sobre a política e se presidente demite ministro da Saúde.

Recém-nascido perde a vida por coronavírus, mas teste de mãe dá negativo

Bebê morre vítima do novo coronavírus, mas mãe tem teste negativo para a doença.
Fernando B
As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.
Publicidade

O coronavírus tem feito cidades em todo o mundo ficarem isoladas. No último século,  foram poucas as vezes que a humanidade viu tanta cautela em torno de uma doença. Mas afinal, e se eu tiver os sintomas do coronavírus, o que tomar? Uma das principais dúvidas é se os famosos anti-inflamatórios devem ou não serem tomados diante dos sintomas da doença. 

É sabido que ninguém deveria se automedicar diante de qualquer problema, mas o hábito é tão comum que remédios para dor de cabeça, tosse e resfriado são vendidos sem receitas. No entanto, um especialista francês disse que remédios como o ibuprofeno tem feito efeito contrário em pacientes. A revelação feita pelo ministro da Saúde francês, Olivier Véran, pegou todos se surpresa. 

Publicidade

Ele explicou que esse anti-inflamatório, em especial, estaria prejudicando a pneumonia dos pacientes tratados no país. O portal de notícias UOL ouviu especialistas brasileiros, que lembraram que, mesmo a informação tendo partido de um ministro de outro país, é preciso ter cuidado ao falar sobre o tema. 

Publicidade

Isso porque muitas pessoas necessitam do Ibuprofeno, que é um composto comum no tratamento de algumas doenças. Dizer que o remédio deve ser abolido poderia trazer complicações à essas pessoas. 

Publicidade

No entanto, para quem não necessita do remédio, os médicos deram uma opinião importante. “Tomar medicamentos anti-inflamatórios (ibuprofeno, cortisona e outros) pode agravar a infecção. Em caso de febre, tome paracetamol. Se você já está tomando medicamentos anti-inflamatórios ou em caso de dúvida, pergunte ao seu médico”, explicaram.