in

Caso Ísis Helena: polícia entra na casa da mãe e o que encontra lá é para estômago forte

Record TV
Publicidade

O caso Ísis Helena tem tomado a atenção da grande São Paulo. A menina está desaparecida há mais de 10 dias e nesta sexta-feira, 13 de março, a polícia entrou na casa da mãe da bebê, que tinha menos de dois anos de vida, quando sumiu de casa. A polícia entrou no local, após conseguir autorização judicial. 

De acordo com informações do programa Cidade Alerta, da Record TV, inicialmente,  a família de Ísis Helena estaria relutante em deixar os agentes periciarem o local. Vários materiais da neném foram olhados e passarão por análise. A polícia já sabe que pelo menos uma camisa com mancha estranha  foi achada na casa onde Ísis Helena desapareceu. 

A camisa com a suposta mancha de sangue pertenceria a Elias, tio de Ísis Helena. Ele já havia sido acusado por moradores da região de ter participação no crime. Elias disse que a camiseta não estaria suja de sangue, mas sim de café. Mesmo assim, a polícia decidiu levar o material foi apreendido pelos militares. Um pedaço de madeira também foi pego pelos agentes e ele será analisado para saber se ele tem alguma relação com o desaparecimento de Ísis Helena. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Vizinhos chegaram a achar que corpo de Ísis Helena estaria escondido em casa

Não é a primeira vez que o desaparecimento da menina Ísis Helena acaba pairando contra a família. Durante a semana, vizinhos ligaram para a polícia alegando que estavam sentindo um mau cheiro no local. 

Após analisarem o local, encontrou-se peixes mortos em um bueiro. Acredita-se que era dali que saía o mau cheiro, que perturbou os moradores da região. 

Publicidade
Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.