in

Suspeitas do ABC voltam à casa onde crime aconteceu e reações são chocantes; veja imagens

Fotomontagem: Bruno Avila / R7 / Reprodução RecordTV
Publicidade

Um caso aconteceu no ABC e chocou todo o Brasil. Mesmo após descobrir quem teve participação no crime, a Polícia segue com as investigações para que a sentença final, do caso, seja executada.

O objetivo da investigação é descobrir quem teve participação nos assassinatos do empresário Romuyuki, de 43 anos, sua esposa Flaviana Gonçalves, de 40, e do filho mais novo do casal, Juan Gonçalves, que tinha apenas 15 anos.

Um passo importante na investigação é a reconstituição do crime. Para isso, a Polícia levou os principais suspeitos de volta ao local do crime, para todos refizessem seus passos e mostrarem como participaram da barbárie. Além disso, a Polícia ainda deve colocar todos os suspeitos frente a frente, pela primeira vez.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Já foi constatado que Anaflávia Gonçalves, filha de Romuyuki, é uma das maiores suspeitas de ter participado do crime, ao lado de sua namorada, Carina Ramos. Além delas, outras três pessoas assumiram participação no assalto à casa. Estes são os irmãos Juliano de Oliveira e Jonathan Fagundes, que são primos de Carina. O outro é um jovem de apenas 19 anos, Guilherme Ramos, que é vizinho dos dois rapazes.

Apesar de assumirem participação no assalto, os rapazes negam que tenham participado dos assassinatos da família. Portanto a Polícia investiga se esses depoimentos representam ou não a verdade sobre o crime.

As reações das assassinas foram captadas por algumas câmeras da RecordTV, que, por mais que não tenha entrado no local, colocaram helicópteros rodeando a situação.

A reconstituição continuará fora da casa, onde os criminosos deixaram os corpos das vítimas dentro de um carro que foi carbonizado em uma mata distante da cidade.

Publicidade
Publicidade
Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: [email protected]