in

Após espancar a ex, goleiro Jean deixa as filhas sem nada: ‘Vão morrer de fome’

Reprodução/Instagram
Publicidade
Publicidade

Milena Bemfica postou em suas redes sociais na última terça feira (11/02) um desabafo sobre a situação em que as duas filhas se encontram após o incidente acontecido em Orlando, nos Estados Unidos, no final de 2019. A família passava férias em território americano quando o goleiro Jean, pai das crianças, agrediu Milena, que o denunciou no dia 18 de dezembro. O goleiro chegou a ser preso, mas liberado dias depois. 

Após a separação e um tempo em silêncio, Milena voltou a denunciar o ex-marido em seu Instagram, dessa vez por conta da falta de pagamento de pensão para as filhas. A mãe alega que Jean sumiu totalmente da vida das filhas e que as garotas viveram um grande trauma ao presenciar o pai a agredindo. 

Publicidade

Na postagem, Milena garantiu que por conta do psicológico das meninas ela fez de tudo para que elas voltassem a ver o pai, mas que ele se omite e trata com total descaso a situação das filhas, que nas palavras dela ficaram sem o antigo quartinho, sem as bonecas e sem nada da vida que tinham antes. 

View this post on Instagram

Quem vê essa nossa foto, juntas e felizes não imagina os dias complicados que a Mamãe aqui tem passado tentando fazer com que tudo saia perfeito e elas não percebam nada … Além do trauma que viveram em ver uma cena que nunca saíra da cabeça delas de um pai agredindo a mãe ainda tem que conviver sem o seu quartinho, sem as suas bonecas, sem os seus antigos coleguinhas, sem os passeios semanais e a atenção diária que a mamãe tinha, sem as aulas de esportes enfim… Se é muita coisa pra mim, adulta, mãe, imagina para elas? 2 princesas inofensivas … Eu me calei, não queria polêmica, conversei, avisei, mas cansei, vou lutar pelas minhas filhas e pelos nossos direitos até o fim! E já que temos redes sociais vamos usá-la ! A mamãe fez de tudo para elas irem ver o pai, por conta do psicológico delas e o pai faz o que? Se omite, some, não liga, trata com descaso a situação das próprias filhas, filhas que como ele disse são minhas, mas na certidão tem o nome dele, enfim… Não deixei e não vou deixar passar, quem mais tem direitos de nos dois são elas e eu farei de tudo para que elas tenham tudo que tinham! Eu não pedi pra ser traída, eu não pedi para ser espancada, quem fez que arque com as consequências dos seus atos que por sinal ainda foram leves diante de toda a situação! Quero justiça! Que ele pague o que tem que pagar sim! E que Deus tenha piedade dessa pessoa, sem raiva, sem mágoas, apenas uma mãe desesperada querendo ver as suas filhas sorrir com leveza novamente! 🙏🏻😢💖 #JEANPAGUEPENSAO #TUDOPORELAS #MAEEMAE #NAOVOUMECALAR #ODIREITOÉDELAS

A post shared by Milena Bemfica (@milenabemficaofc) on

 

Publicidade

Após o caso da agressão se tornar público, Jean foi dispensado pelo São Paulo e contratado recentemente pelo Atlético Goianiense. Milena afirmou em seus stories que seu advogado já notificou o novo clube do jogador sobre a pensão que está atrasada, mas até o momento não houve qualquer resposta por parte do Atlético. 

Ela relembrou ainda que o goleiro disse no dia da agressão que as filhas dela iam morrer de fome, porque a mãe estava acabando com a carreira dele. 

Vale ressaltar que na última semana foi noticiado que o goleiro já está se relacionando com outra pessoa, a influencer e gamer Shay Victorio.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com