in

Filha de família carbonizada confessa crime, e o que diz revolta o Brasil

G1
Publicidade

Ana Flávia, filha do casal assassinado junto com o filho no ABC Paulista, confessou parte da sua participação no crime. No entanto, segundo Ana Flávia e sua namorada, Carina Ramos, elas não teriam participado da morte da família, mas sim apenas do roubo.

A confissão em parte provocou revolta em todo o Brasil. Isso porque há até imagens de segurança que mostram Carina, namorada de Ana Flávia, deixando a propriedade da família assassinada. 

A mudança no depoimento teria ocorrido nesta quarta-feira, 5 de fevereiro, como mostram informações da TV Globo. Já se sabe que Flaviana, o marido e o filho foram realmente mortos no dia 28. Pai e filho foram torturados para passarem a senha de um cofre. Depois que este foi aberto, nada foi encontrado dentro do local e, por isso, os criminosos decidiram que a família deveria ser morta.  

Publicidade

O novo depoimento de Ana Flávia e Carina durou mais de cinco horas. Agora a polícia já sabe que há uma sexta pessoa envolvida no assassinato da família. O que se sabe é que esse suposto criminoso é um homem e teria pego o carro na estrada, onde mais tarde os corpos dos familiares de Ana Flávia foram encontrados carbonizados. 

Publicidade

Segundo um primo de Carina, Juliano Ramos Júnior, o assalto à família foi planejado. Inicialmente, a ideia não era matar a família de Ana Flávia, já que os criminosos acreditavam existir no cofre da casa a quantia de R$ 85 mil. Como nada foi encontrado, eles decidiram matar os três.

O assassinato foi em virtude de uma suposta herança que Ana receberia, além de um seguro de vida que os pais dela tinham, que Ana ganharia com a morte.

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.