Reviravolta: novo vídeo cria mistério no crime da família carbonizada no ABC; é aterrorizante

Leia também

Paulinho Gogó está fora de A Praça é Nossa: ‘Nunca chorei tanto na vida’

Humorista Paulinho Gogó confirmou que não é mais contratado da emissora de Silvio Santos.

Fim do confinamento em Wuhan, primeiro epicentro do novo coronavírus

Moradores poderão sair da cidade, mas precisam levar um smartphone com um aplicativo que tem informações sobre a saúde deles.

Aos 8 anos, Davi Lucca, filho de Neymar tem doença séria revelada

Carol Dantas, ex de Neymar, revelou como tem sido a mudança na rotina de Davi Lucca.

Vidente Carlinhos revela a verdadeira razão de possível queda de Bolsonaro na presidência

Em novo vídeo, o vidente Carlinhos comenta sobre a queda de Jair Bolsonaro na presidência.
Fernando B
As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.
Publicidade

Um novo vídeo está deixando o crime do ABC Paulista ainda mais aterrorizante. Uma família inteira foi morta a pauladas em um condomínio da região. As principais suspeitas são a filha do casal morto e sua namorada, Ana Flávia e Carina respectivamente. Ambas foram presas.

No entanto, nesse domingo, 2 de fevereiro, um novo vídeo criou ainda mais mistério diante do terrível crime. Isso porque imagens mostraram o momento que um homem aparece na entrada da casa do condomínio onde a família foi morta. Ainda não dá para ter certeza se o homem participou ou não do crime, mas os horários em que ele está próximo à câmera de segurança coincide com o horário em que a família teria sido morta.

Publicidade

No vídeo de segurança obtido pela Polícia Civil do estado de São Paulo, o homem aparece segurando dos capacetes de moto.  O flagrante aconteceu Minutos antes de o carro de Flaviana Gonçalves, 40, deixar pela última vez o condomínio em que a família vivia, às 0h56 da terça, 28 de janeiro. O carro com a família morta foi encontrado horas depois pelas autoridades. Os corpos das três vítimas estavam carbonizados. 

Publicidade

A polícia decidiu prender a filha e a namorada por que em seus depoimentos, as duas acabam, segundo a polícia, entrando em contradição várias vezes. Avó de Ana Flávia, Vera Guimarães, em entrevista ao R7, falou sobre a desconfiança que tem da neta e pede justiça ao caso. 

Publicidade

Acima, o leitor pode ver um print da câmera de segurança divulgado pelo UOL, que mostra o horário em que o homem aparece na porta do condomínio da família morta.