in

Saindo do Cruzeiro, Dedé tem situação definida pelo Corinthians

Alexandre Guzanshe / EM / D.A. Press
Publicidade

Rebaixado na temporada passada, o Cruzeiro vai jogar a Série B do Campeonato Brasileiro deste ano. Mesmo com um elenco recheado de peças importantes em 2019, a Raposa não conseguiu resultados positivos e terá que arcar com os altos custos das contratações.

Como vai disputar a Série B, o clube mineiro conta com pouca verba. Desta forma, será necessário vender seus principais jogadores ou até mesmo liberá-los para não pagar valores salariais. Um desses atletas é o zagueiro Dedé, que tem um dos maiores salários do elenco.

De saída do Cruzeiro, o zagueiro começou a ser cogitado para reforçar o Corinthians. Contudo, a diretoria do Timão resolveu se pronunciar e colocar um ponto final nessas especulações, negando qualquer possibilidade de negócio entre ambas as partes nesta temporada.

Publicidade

Diretor de futebol do Corinthians, Duílio Monteiro Alves participou de uma entrevista do canal Fox Sports, na última terça-feira (28). O dirigente foi questionado sobre alguma possibilidade de negócio e negou qualquer chance de acerto com o defensor de 31 anos.

O zagueiro Dedé surgiu como um dos principais atletas da posição do futebol brasileiro há alguns anos. O auge de sua carreira foi quando defendia o Vasco da Gama. Em destaque, o atleta foi vendido ao Cruzeiro, onde continuou sua boa fase por algumas temporadas.

O elenco do Corinthians já conta com muitos zagueiros e a diretoria não planeja trazer novos atletas para este setor. No momento, são seis nomes que estão à disposição do técnico Tiago Nunes: Pedro Henrique, Gil, Bruno Méndez, Danilo Avelar, Marllon e Léo Santos.

Atualmente, o treinador corintiano está optando por escalar Gil e Pedro Henrique como titulares. Outro fator importante é a mudança de posição de Avelar, que agora é zagueiro.

Vinicius Araújo

Escrito por Vinicius Araújo

Redator i7 Network - Notícias do mundo do futebol.