in

Fernando Diniz balança no cargo e plano A do São Paulo é treinador estrangeiro

Divulgação: São Paulo
Publicidade

O treinador Fernando Diniz está balançando no cargo no São Paulo. A derrota por 3 a 0 para o Grêmio, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, no domingo (1º), fez o comandante do Tricolor Paulista voltar a ter sua saída cogitada.

Publicidade

Fernando Diniz chegou ao São Paulo em agosto, mas não tem alcançado grandes resultados, embora o time possa se garantir na fase de grupos da Copa Libertadores da América do ano que vem em caso de vitória sobre o Inter, na quarta-feira, no Morumbi.

Publicidade

A informação é que o treinador está balançando no cargo. Não é de se duvidar. Nos últimos anos, o São Paulo ficou marcado pela troca de treinadores.

A instabilidade no clube foi criticada até por Daniel Alves, na semana passada. O lateral-direito, um dos principais jogadores da equipe e contratado neste ano, foi um dos atletas que teria pedido Fernando Diniz à diretoria.

Publicidade

O executivo de futebol do clube, Raí, garantiu que Fernando Diniz permanece no comando da equipe. No futebol brasileiro, todo mundo sabe que isso não significa muito coisa. São muitos os treinadores demitidos depois de serem garantidos no cargo.

Raí corre o risco de deixar o cargo também e não trabalhar na equipe na qual é ídolo da torcida em 2020. Se Fernando Diniz sair, o São Paulo deve ir atrás de um treinador estrangeiro. Jorge Sampaoli, do Santos, é um dos nomes cotados dentro do Morumbi.

O treinador não vai permanecer no Santos, mas desperta interesse de grandes equipes, como o Palmeiras, que acabou de demitir Mano Menezes. Resta saber o que vai acontecer após o fim do Brasileirão.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Globo dá fim a programa de Sandra Annenberg e demissão é anunciada

São Paulo tem dívida com sindicato após venda de Rodrigo Caio para o Flamengo