in

Muito triste: Follmann faz homenagem às vítimas da Chape e vai às lágrimas

Globo / Montagem
Publicidade

Neste domingo, 1 de dezembro, o programa Popstar teve momentos de grande emoção. Tudo ocorreu durante a apresentação do ex-jogador da Chapecoense, Jackson Folmann. Ele, que estava com a imunidade, pôde se apresentar sem ser julgado e aproveitou para homenagear os amigos mortos na tragédia de 2016. O ex-atleta lembrou que nessa semana completa-se três anos do acidente envolvendo o avião do time e foi só emoção. 

Publicidade

Jackson subiu ao palco do programa comandado por Taís Araújo ao lado do cantor Gustavo Mioto, que é também seu amigo pessoal. Enquanto cantava, como mostra o site Notícias da TV, o artista ficou com a voz embargada e teve que se controlar para não atropelar-se na música. Ele também comoveu os jurados da atração e a apresentadora. A maioria deles chegou a aplaudir o ex-jogador de pé. 

Publicidade

“Essa foi uma homenagem minha pra todas a famílias [que perderam entes queridos no acidente]”, ele falou para a apresentadora Taís Araújo, e teve de se interromper para segurar o choro mais uma vez. “Minha humilde homenagem pra todos”, disse o agora aprendiz de cantor completando-se e tentando não chorar de novo. 

Jurados com a cantora Fafá de Belém elogiaram Jackson e disseram que, independente do resultado no programa, ele já era um Popstar da vida real. 

Publicidade

O acidente envolvendo o avião da Chapecoense acabou matando 71 pessoas. O time viajava para a final da Copa Sul-Americana. Mesmo não jogando, o clube acabou sendo sagrado campeão. Curiosamente, em 2019, a Chape vive outro momento complicado, já que está praticamente rebaixada para a segunda divisão.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.