in

Bonner se complica após notícia contra Bolsonaro e é chamado para depôr em investigação

EM / Reprodução
Publicidade

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, acabou sendo o principal assunto do Jornal Nacional nesta semana. O político virou tema do noticioso, após a TV Globo ter acesso ao depoimento de um porteiro, que ligava o nome de Jair ao assassinato da vereadora Marielle Franco. O depoimento, já no dia seguinte, foi desmentido pela justiça. 

No entanto, a situação pode acabar mal para a Globo. Isso porque William Bonner e a alta cúpula da TV Globo foram chamados para depôr em  uma investigação, a CPI das Fake News. Por enquanto, o chamado não tem presença obrigatória, mas no geral quem é convocado por esse tipo de CPI acaba comparecendo à Brasília, dado a importância da situação. 

O deputado federal José Medeiros (Podemos-MT) já fez o requerimento da presença de Bonner na Câmara, como mostra uma reportagem do Estado de Minas. O parlamentar explica sua motivação e ainda pede também a presença do governador do estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, ao local. 

Publicidade

“Eles estão querendo criar um clima de balbúrdia que não existe no Brasil”, disse o deputado no Twitter nesta quarta-feira. Na internet, o presidente do Brasil chegou a chamar a reportagem do Jornal Nacional de canalhas. 

Publicidade
Publicidade

Vale lembrar que o Ministério Público do Rio (MP-RJ) afirmou que quem autorizou a entrada de Élcio Vieira de Queiroz no condomínio em que moram Ronnie Lessa e o presidente Jair Bolsonaro foi o próprio Lessa, acusado de matar a vereadora Marielle Franco. A Globo, no entanto, disse em nota que só fez o seu trabalho jornalístico, quando trouxe as informações envolvendo o nome de Bolsonaro, ainda na terça-feira. 

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.