in

Caroline Bittencourt: caso ganha reviravolta e envolve o próprio marido

Foto/Reprodução: Extra
Anúncios

Um dos casos que mais repercutiu em todo o Brasil nesse ano foi  a morte da modelo Caroline Bittencourt. Ela e o marido, o empresário Jorge Sestini, passavam um final de semana em Ilhabella, São Paulo, quando uma tragédia aconteceu. O tempo na região virou e Caroline caiu ao mar. Do local, ela saiu já sem vida. 

Nesta terça-feira, 17 de setembro, a morte da modelo ganhou uma reviravolta. É  o que mostra uma matéria do jornal carioca Extra. Isso  porque o marido de Carol havia sido indiciado pela Polícia Civil por homicídio culposo (aquele em que não há a intenção de matar).

Anúncios

Assim como segue qualquer trâmite judicial, o caso é enviado ao Ministério Público. O órgão, no entanto, entendeu que o melhor é que o caso fosse arquivado. A entidade não se manifestou sobre o que teria motivado o arquivamento. Com isso, Jorge Sestini, que perdeu a esposa, não vai precisar passar por um julgamento. 

Enquanto o caso estiver arquivado, ele levará uma vida normal, como qualquer cidadão brasileiro. Antes do arquivamento, especialistas acreditavam que se recebesse algum tipo de pena, Jorge teria essa penalidade revertida em serviços à comunidade. Entende-se que a maior pena que ele poderia sofrer é a perda da companheira. 

Anúncios

Carol e Jorge haviam se casado no começo do ano em uma cerimônia na praia. O empresário, de acordo com  registros, teria sido alertado sobre uma grande tempestade que se aproximava, mas permaneceu na água. A tempestade foi forte o suficiente para gerar diversos estragos. Caroline acabou morrendo afogada.

Anúncios
Anúncios

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Tragédia: pai tenta salvar filho de 1 ano de incêndio, mas os dois acabam morrendo