in

Funcionário da Globo que chamou menino do desfile com Bolsonaro de imbecil sofre duro castigo

Foto/Reprodução Folha
Publicidade

No final de semana, uma polêmica tomou conta da internet. O G1, portal de notícias da Globo, publicou uma matéria sobre um menino que desfilou ao lado do presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, no famoso desfile do Sete de Setembro. Ivor César Gonzales, de 9 anos, deu uma entrevista para o próprio G1, na qual dizia que aquele havia sido o melhor desfile de todos os tempos.

Entretanto, o que ninguém poderia esperar é o que veio a acontecer depois. Isso porque um funcionário da Globo usou indevidamente a página do G1 para chamar o menino de imbecil. Na mesma mensagem, o garoto é convidado por quem escreveu a mensagem a se alfabetizar. O conteúdo é claramente contra o presidente, ainda que atinja uma criança.

Publicidade

Nesta terça-feira, 10 de setembro, uma decisão teria sido tomada na Globo.  De acordo com informações da colunista Mônica Bérgamo, da Folha de São Paulo, o funcionário que fez o comentário ofensivo teria sido castigado da pior forma para ele. Isso porque essa pessoa, que não teve o nome identificado, acabou sendo sumariamente demitida.

A Globo, ainda no final de semana, manifestou-se por suas páginas de notícias dizendo que o comentário foi feito indevidamente, sem que houvesse o conhecimento dos editores do portal de notícias global.

Publicidade

Pesou na decisão o fato de que, mesmo que o funcionário argumente que o comentário foi feito sem querer, já que o objetivo era usar o próprio perfil, essa atitude dele também feriria os critérios éticos de seu trabalho. Ainda não se sabe se a família do menino processará o G1  e/ou a Globo.

Publicidade
Publicidade

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Pai e filha marcam encontro para vender carro e são mortos a sangue frio

Gusttavo Lima vai reformar casa de garoto humilhado vendendo geladinho e emociona fãs