in

Pai tenta abusar da filha e ela se joga do primeiro andar: “Me ajuda, papai quer me estuprar”

Secad
Publicidade

Neste domingo (8), uma criança de apenas 10 anos pulou do primeiro andar de onde morava, na tentativa desesperadora de fugir de seu pai, que tentava a estuprar. O caso aconteceu em Fortaleza, no bairro Granja Lisboa, e vem causando comoção na web.

Publicidade

Logo após o ocorrido, a criança foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Foi levada ao hospital e se encontra internada. O autor do crime, pai da criança, se evadiu do local após o delito e até o momento não se tem informação dele.

Publicidade

De acordo com as informações dos policiais que trabalharam na ocorrência, a vítima passava o final de semana com o pai, e teria pulado após o próprio pai tapar sua boca e ter tentado estuprá-la. Logo após cair, a menina foi rastejando até um vizinho, onde pediu ajuda.

Após pular do primeiro andar, apresentava inchaço e olhos roxos. Enquanto era socorrida na casa ao lado, a vizinha que prestava ajuda disse que o pai ainda foi atrás dela para tentar convencer a criança a voltar para casa, falando que se não deixasse a criança ir com ele estaria sendo prejudicado.

Publicidade

A mulher que a socorreu negou: “Não, se ela tá prejudicando eu não sei, só sei que na minha casa você não entra, eu quero saber realmente o que tá acontecendo”.

Ainda segundo a vizinha, a menina desamparada e desesperada clamava por ajuda dizendo: “Pelo amor de Deus, me ajuda, papai quer me estuprar”. A Secretaria de Segurança do Ceará informou que o suspeito de praticar o crime possui 34 anos de idade, e tem antecedentes criminais por roubo, furto e violência doméstica. 

Publicidade

Leia Também

Escrito por Rafael

Rafael Lessa é um escritor que gosta de estar sempre informado sobre o que acontece no Brasil e no mundo. Nas horas vagas, gosta de redigir matérias jornalísticas, levando entretenimento e cultura para seus leitores.

Silvia Abravanel se apaixona pelo próprio segurança e história de amor tem final feliz

Guilherme Arana garante retorno ao Corinthians: ‘Bateu o desespero’