in

Pai clama antes de ser morto a facadas e marteladas: ‘Eu te amo, meu filho, não me mate’

Facebook, Joseph Micheletti/Joseph John
Publicidade

Na noite da última quinta-feira (5), um crime com requintes de crueldade assustou os moradores de Contagem, município mineiro localizado na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Joseph Micheletti Dempsey, 19, foi detido por policiais militares quando tentava fugir, após ter assassinado o próprio pai.

Publicidade

O professor de inglês Joseph John Dempsey, 57, foi encontrado no chão de sua residência, com o corpo ensaguentado. De acordo com os policiais que cuidaram do caso, o homem apresentava perfurações no pescoço, e teria sido golpeado com uma faca e um martelo.

Publicidade

Vizinhos chamaram as autoridades após ouvirem os gritos de Joseph John. Para conter o rapaz, foi necessário o uso de balas de borracha e algemas, pois ele se encontrava agitado e visivelmente alterado. Em sua posse, faca e martelo usados no crime foram encontrados. Na delegacia de plantão, onde prestou depoimento, Joseph Micheletti alegou ser usuário de drogas, mas disse que naquela noite teria ingerido apenas bebida alcoólica.

Amigos do rapaz ficaram assustados com o ocorrido. Ele era descrito como um sujeito calmo, e que constantemente falava sobre a boa relação que tinha com o pai, sendo que ambos eram grandes amigos que frequentavam vários eventos e shows juntos.

Publicidade

Antes do crime, pai e filho estariam tomando vinho. O assassino disse que pouco tempo depois sofreu um apagão. O jovem relatou que, enquanto deferia golpes, ouviu o seguinte apelo da vítima: “Eu te amo, meu filho, não me mate”. A vítima chegou a ser encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu aos ferimentos.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Henrique

Henrique Furtado é um redator que gosta de ocupar o seu tempo livre lendo notícias, e noticiando aquilo que acha mais interessante.

Jovem de 19 anos tem apartamento saqueado e ladrões deixam ‘presentinho’ no tapete

Cantora é picada por aranha venenosa, fica com rosto inchado e é submetida a 2 cirurgias