in

Santos tem grande prejuízo com permanência de Neymar no PSG; entenda

CBF
Publicidade

Com a possível transferência de Neymar, do PSG para o Barclona, o Santos calculava receber uma quantia equivalente a R$ 31 milhões, no meio desta temporada. Como time que formou o jogador, o Peixe tem direito a uma porcentagem de toda negociação internacional que envolver o atacante, devido ao que é chamado de ‘mecanismo de solidariedade’.

Publicidade

Tal mecanismo defende que, os clubes que acolhem o jogador até os 23 anos, tem direito a 5% dos valores que serem negociados, portanto, Neymar, que apareceu no Santos e defendeu o time até os 21 anos, lhes proporciona 4% do valor das negociações feitas, segundo o presidente, José Carlos Peres.

Publicidade

Entretanto, todas as especulações sobre a transferência acabaram nesta semana, em vista da intransigência encontrada pelo Barcelona em relação aos franceses. 

Para Peres, a quantia ainda irá ao clube, mesmo que não neste momento, tendo em vista que a janela de transferências da Espanha, foi fechada no início dessa semana. Para ele, o dinheiro não irá ser enviado d Barcelona, e sim do seu rival: “(O dinheiro) ainda virá! Ele vai para o Real Madrid, se não for agora, será no final do ano

Publicidade

Segundo estimações feitas pelo clube brasileiro, a negociação tinha chances de ser realizada por aproximadamente 170 milhões de euros, o equivalente a 774,8 milhões de reais, na cotação atual, assim, o time teria direito ao que equivale os 31 milhões de reais.

A quantia seria recebida em boa hora, já que segundo um relatório divulgado pelo próprio clube, há uma defasagem de R$ 50 milhões no primeiro semestre, no qual a diretoria chegou a atrasar pagamentos de salário e de direitos de imagem dos jogadores.

Publicidade

Leia Também

Suposta tia de Eduardo Costa se joga na frente do carro após ele negar foto

Galã da Globo é encontrado vagando pelas ruas fora de si: ‘Está falando frases desconexas’