in

Condenado por matar a filha, Nardoni sofre derrota na Justiça e volta para regime fechado

Arquivo pessoal Ana Carolina / Polícia Civil
Publicidade

Condenado a 30 anos pela morte da própria filha, Alexandre Nardoni sofreu uma grande derrota na Justiça nesta terça-feira (13). O Tribunal de Justiça determinou que ele volte para o regime fechado.

Desde o fim de abril, Nardoni foi encaminhado ao regime semiaberto. Por causa dessa mudança, o condenado ganhou direito a saída temporária, conhecida como saidinha.

Nardoni está temporariamente fora do presídio P2 de Tremembé desde a última quinta-feira, quando virou assunto nas redes sociais ao ganhar o direito de sair no Dia dos Pais. A volta dele está programada para quarta-feira.

Publicidade

Por causa da saída, Alexandre Nardoni encontrou a esposa, Anna Carolina Jatobá, fora da cadeia. O encontro do casal Nardoni foi flagrado pela Record TV e ocorreu em um estacionamento localizado na Rodovia Presidente Dutra.

Publicidade
Publicidade

A justiça ainda não definiu se Nardoni perderá o direito à saidinha agora que terá voltar ao regime fechado. A defesa dele afirmou que vai recorrer da decisão.

O recurso do Ministério Público foi julgado pela 4ª Câmara de Direito Criminal do Tribunal de Justiça. Foi determinado a realização do teste de Rorschach. Este teste consegue identificar se Nardoni está apto a conviver em sociedade ou se pode voltar a cometer novos crimes.

Nardoni migrou para o semiaberto, após cumprir tempo determinado pela lei no regime fechado. Desembargadores, porém, entendem que por ele ter cometido crime hediondo, a migração para um regime que permite novamente o convívio em sociedade exige algumas avaliações.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br