in

É isso que pode acontecer com o seu corpo quando você toma refrigerante

Abril Saúde

Tomar refrigerante é um hábito aparentemente inofensivo, praticado diariamente bilhões de pessoas, que não fazem ideia dos malefícios que a bebida pode trazer à saúde. Além de ser rico em açúcares, sódio, corantes e outros aditivos químicos, o refrigerante não possui nenhum valor nutricional e pode comprometer sua saúde de várias formas. Veja o que o consumo frequente da bebida pode fazer com o seu corpo:

Pedras nos rins

O consumo regular de líquidos é essencial para prevenir a formação de pedras nos rins, mas a regra não se aplica ao refrigerante. Por ser extremamente ácido, o refrigerante faz o corpo usar o cálcio que seria destinado aos ossos para corrigir o pH e facilitar o processo digestivo. Com isso, os rins fazem um grande esforço para eliminar o cálcio em excesso, favorecendo o surgimento das pedras.

Ossos e dentes fracos

A quantidade excessiva de ácido fosfórico presente na bebida dificulta que o cálcio seja absorvido pelos ossos e dentes, podendo gerar cáries e osteoporose. As mulheres são mais suscetíveis a perda de massa óssea, o que pode causar fraturas. O ácido fosfórico também atrapalha a produção de ácido gástrico, prejudicando a digestão e a absorção dos nutrientes contidos nos alimentos.

Diabetes e obesidade

A ingestão regular de refrigerante eleva os níveis de açúcar no sangue e dificulta a ação da insulina no organismo, favorecendo o surgimento da diabetes. Apenas um copo diário da bebida duplica as chances de desenvolver obesidade. O excesso de açúcar também gera fome excessiva; que consequentemente resultará no aumento de peso. Não adianta optar pelo diet, os adoçantes contidos nos refrigerantes diet são altamente nocivos à saúde.

Câncer e pressão alta

Um estudo publicado pelo British Medical Journal (BMJ) apontou que o consumo diário de apenas 100 ml de bebidas com alto teor de açúcar aumenta o risco de desenvolvimento de variados tipos de câncer em 18%, aumentando para 22% em casos específicos de câncer de mama.

Além disso, o alto teor de substâncias como cafeína, frutose e sódio causam um aumento gradual da pressão arterial, favorecendo o surgimento de doenças cardiovasculares, como a hipertensão. Beber 355ml de bebidas gaseificadas ou excessivamente açucaradas diariamente é o suficiente para desequilibrar a pressão.

Leia Também

Se Maria da Paz engravidar, quem será o pai? Amadeu ou Régis? Vídeo traz suposto resultado

Aprovada a proposta do salário mínimo para 2020: saiba qual deverá ser o valor