in

Técnico de time da série A é demitido após resultado negativo

Torcedores.com
Publicidade

A cultura do futebol brasileiro não é tão benéfica para os treinadores de forma geral. Com diversas competições simultâneas e a pressão interna e externa para conseguir os melhores resultados, os técnicos que atuam no futebol brasileiro precisam de resultados positivos caso queiram permanecer no emprego.

Demissão do técnico

Diante desse cenário, a Chapecoense não viu outra saída senão a demissão do técnico Ney Franco. Após a goleada de 4 a 0 para o São Paulo na última segunda-feira, 22, a direção da Chapecoense anunciou a demissão do treinador de 52 anos. Ney Franco deixou a Chapecoense na 18° colocação, com duas vitórias, dois empates e sete derrotas, acumulando apenas 8 pontos em 11 partidas.

Ney Franco assumiu o comando da Chapecoense no final de março deste ano, substituindo Claudinei Oliveira. Em 18 partidas pela Chapecoense, Ney Franco conseguiu apenas 5 vitórias, e a má campanha a frente do time catarinense se refletiu no Campeonato Brasileiro. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

A Chapecoense já começou a procura de um novo treinador e alguns nomes já foram citados e estão sendo analisados, porém, os dois nomes que circulam com mais força na Arena Condá são os de Lisca e Zé Ricardo. O próximo adversário da Chapecoense é o Bahia, em Santa Catarina, no domingo, às 11 horas. O auxiliar técnico, Emerson Cris, assume a equipe interinamente até o anúncio do novo treinador. 

Carreira

Ney Franco é mineiro e começou sua carreira no futebol de Minas, no Cruzeiro. Logo depois acertou com o Ipatinga e lá ganhou destaque e foi campeão mineiro em 2005. Depois passou por outros clubes, como: Flamengo, Athletico Paranaense, Botafogo, Coritiba, São Paulo, Vitória, Sport e Goiás.

Publicidade
Publicidade
Fernando Goulart

Escrito por Fernando Goulart

Sou estudante de Direito e um apaixonado por escrever.