in

Doença rara mata jovem de 22 anos logo após o parto; saiba detalhes

Arquivo pessoal Bruna
Publicidade

O período de gravidez é um momento em que a gestante precisa ter atenção especial. Qualquer problema, por menor que seja, pode ter consequências graves para a saúde da mãe e do bebê. Além disso, há algumas síndromes raras que podem acometer as mulheres neste período.

Uma delas é Síndrome Hellp, que atinge apenas 0,5% das gestantes, mas que precisa de um acompanhamento especial porque sua letalidade é muito alta. Na Síndrome Hellp, a pressão da gestante aumenta muito e todo cuidado é pouco.

A jovem Bruna Tomadocci, de 22 anos, sofria da síndrome, mas não sabia. No sábado (20), a jovem morreu em um hospital da cidade de Santos, litoral sul de São Paulo. De acordo com uma cunhada da jovem ouvida pelo G1, ela estava bem na véspera da morte.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Na sexta-feira (19), Bruna foi trabalhar por volta das 19h. Durante a madrugada, ligou para o irmão pedindo ajuda, dizendo que estava passando mal. Quando o irmão chegou ao trabalho de Bruna, percebeu que a situação era grave e se dirigiu rapidamente ao hospital.

No Hospital dos Estivadores, em Santos, os médicos agiram rápido e realizaram uma cesárea de emergência quando viram que a situação de Bruna era grave. Durante o parto, a jovem teve duas convulsões. O bebê foi levado para uma incubadora e a mãe foi para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Exames constaram que Bruna sofria da Síndrome Hellp. Pouco tempos depois de chegar à UTI, órgãos da jovem pararam de funcionar. Em seguida, o cérebro também e a morte foi confirmada.

Esta síndrome normalmente aparece depois da 27ª semana, de acordo com a obstetra Mariana Paiva, ouvida pelo G1. Segundo a médica, exames de sangue identificam a doença.

Outros sinais de alerta para qualquer grávida são: inchaço generalizado, dor no estômago, dor no abdômen superior e dor na região do fígado. A médica alerta ainda que fazer o pré-natal é fundamental.

Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!