in

Suposta agressão da família do noivo a Alinne Araújo vem à tona e surpreende

Fotomontagem: Instagram Alinne Araújo/Diogo Marcondes
Publicidade

Na segunda-feira (15), a blogueira Alinne Araújo, de 24 anos, caiu do nono andar do prédio onde morava, no Recreio dos Bandeirantes, bairro localizado na zona oeste do Rio de Janeiro. A morte causou comoção nas redes sociais, especialmente por tudo o que estava por trás.

Publicidade

Alinne tirou a própria vida um dia depois de ter se casado consigo mesma, após ser abandonada pelo noivo, que terminou o relacionamento faltando menos de 24 horas para a cerimônia.

Publicidade

A confusão entre eles, envolve o casamento no civil, testamento e a comunhão parcial de bens, que ela não aceitava. A comunhão parcial de bens estava acordada entre os dois, mas Alinne voltou atrás.

Antes de morrer, ela explicou que desistiu de assinar essa parte porque o noivo foi influenciado pela família para tomar essa decisão. A blogueira afirmou que a família do rapaz não gostava dela. “Chegou a me agredir”, disse ela.

Publicidade

Alinne não entrou em detalhes sobre a agressão, se foi física ou verbal. O que deu a entender na fala da jovem é que o relacionamento com a família do noivo não era bom.

Orlando Costa Jr. decidiu não se casar e ficou abalado com tudo o que aconteceu depois. A morte de Alinne o entristeceu bastante. Nas redes sociais, alguns internautas acusaram Orlando Jr. pela morte da blogueira.

Além de todos os problemas envolvendo o casamento, Alinne sofria de depressão. O abandono que sofreu praticamente no dia do casamento, somado às críticas que recebeu por se casar consigo mesma, podem ter sido gatilhos que a levaram a tirar a própria vida.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Neto cai na risada depois de perceber que ‘gato perdido’ da avó pegou não era um gato

Caso Alinne Araújo: detalhes do documento que noivo teria que assinar explicam separação