in

Ateu, este homem decidiu ler a Bíblia para rebater cristãos, mas o inesperado acontece

Youtube Ministério OTG
Publicidade

O médico Greg Lehman é o que se podia chamar de ateu convicto. Levando uma vida luxuosa, com carros caros, roupas novas e muitas viagens, o médico decidiu começar a ler a Bíblia para bater de frente com seus vizinhos cristãos.

Greg Lehman tinha um salário robusto, após concluir a faculdade de medicina e se tornar um médico respeitado. Casado, ele tem dois filhos. Apesar de tudo, vivia infeliz e irritado.

Quando ficava nervoso, descontava na família. Seus vizinhos também o irritavam e ele começou a ler a Bíblia para entender o cristianismo e expor as incoerências e hipocrisia das pessoas que moravam ao lado de sua casa.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Ao começar a ler a Bíblia, Dr. Greg começou a ser confrontando pelos evangelhos, que lhe mostraram que Jesus Cristo é o Deus encarnado. O médico afirmou que isso o chamou a atenção.

A partir daí, ele começou a pesquisar sobre o cristianismo e descobriu que tudo gira em torno da ressurreição de Cristo. No começo, o médico duvidou da ressurreição e começou a procurar argumentos que poderiam desmentir o evento.

A conclusão a que chegou é que as teses contra a ressurreição não tinham credibilidade. Além disso. Dr. Greg se identificou com Lucas, autor do evangelho de Lucas e de Atos dos Apóstolos. Ele era médico também.

Por fim, o que tornou o ateu em cristão foi o testemunho do apóstolo Paulo, que era um judeu que perseguia cristãos e se converteu ao cristianismo. “Quando eu olhei para as provas e vi esses caras e suas vidas mudadas, eu disse: ‘Eu tenho que acreditar nisso”, afirma Greg.

O ato final

Em determinado dia, após atender um paciente, este virou para o Dr. Greg e perguntou se ele já tinha recebido Jesus como senhor e salvador de sua vida.

O médico desmaiou. Depois, refletindo sobre isso em casa, orou e recebeu Jesus como salvador. A partir daquele momento, passou a sentir uma paz tão grande que até pensou que seus remédios tranquilizantes haviam mudado.

O médico ateu passou a acreditar em milagres e em Jesus. Ele afirma que em qualquer religião, o homem procura seu deus. No cristianismo, porém, acontece o contrário: Deus procura o homem. O testemunho dele foi dado ao Ministério OTG.

Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!