in

Gigante europeu prestes a tirar estrela do Grêmio e da seleção brasileira

Reprodução: Gaúcha ZH
Publicidade

Aquela notícia que o torcedor gremista mais temia está prestes a chegar. Trata-se do interesse dos clubes europeus na contratação de Éverton cebolinha.

O atacante surge como uma das principais buscas do time inglês, Arsenal. Edu Gaspar, ex-coordenador de seleções da CBF e recentemente apresentado como novo dirigente do clube de Londres, já colocou Éverton como um dos possíveis alvos da equipe.

Último jogo?

Após a vitória do Grêmio contra o Vasco no último sábado, 13, Éverton deu uma entrevista dando sinais de que aquele poderia ter sido seu último jogo pelo tricolor gaúcho.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O Grêmio também vê com bons olhos uma transferência, pois hoje o atacante tem um valor de mercado muito alto e o clube gaúcho tem medo de acontecer o mesmo que ocorreu com o também atacante Luan. O jogador que foi campeão olímpico recusou várias propostas quando estava no auge do seu futebol e aguardava sempre uma proposta melhor.

A oferta melhor não veio, Luan se machucou e não voltou a jogar mas com a mesma intensidade de antes. Fato que tem irritado a própria torcida gremista e fez o jogador por vezes perder espaço no time de Renato Gaúcho.

Cobiçado

Além do Arsenal, outros clubes também mostraram interesse em Éverton: Manchester United, Milan e Atlético de Madrid. A cobiça pelo atacante está grande e ainda esta semana alguma novidade pode aparecer e com isso chegar uma proposta oficial ao Grêmio.

A direção do Grêmio já avisou que não chegou nenhuma proposta até o momento e que a multa rescisória do atacante é de 80 milhões de euros. O Grêmio detém 50% dos direitos econômicos do jogador e espera fazer uma venda excepcional com a valorização do atleta. Edu Gaspar então será a peça chave nessa possível transferência e tudo indica que o Arsenal será a nova casa do atacante tricolor.

Publicidade
Publicidade
Fernando Goulart

Escrito por Fernando Goulart

Sou estudante de Direito e um apaixonado por escrever.