in

Carta de jovem gay aos pais que o rejeitaram comove a internet

Foto/Reprodução: UOL

Uma vida proibido de ser quem era. Foi assim que o jovem Kent Mendez, hoje com 26 anos, teve que passar boa parte dos seus dias por anos. Homossexual, ele tinha sua condição menosprezada pelos pais, que o proibiam se ser quem era. Após sair de casa e ir morar com um amigo, ele escreveu uma carta a esses pais, que um dia o rejeitaram. O texto anda comovendo muitas pessoas. 

A carta é de despedida. Nela, o jovem diz o quanto foi difícil ter que passar por isso, que já chorou bastante, mas pede que o seu pai e sua mãe não se dirijam mais a ele. Isso porque, segundo o rapaz, a sensação  que tem é de prisão e manipulação. Isso porque é complica, de acordo com ele, ter pessoas que lhe criaram torcendo contra sua própria vida. 

Carta mostra importância da família a pessoas gays

“Demorei a vida toda para chegar onde estou, finalmente confiante e feliz, sendo eu mesmo. E me quebra o coração saber que duas pessoas que me apoiaram a vida toda não aceitam quem eu sou”, diz o jovem rapaz, que teve mais de 50 mil curtidas em um post feito em sua página no Twitter. Ele teve a ajuda online de pessoas que ficaram sabendo da sua história. Essa pessoas o ajudaram dando donativos para Kent pagar seus estudos. 

Veja abaixo a publicação feita pelo jovem, que fala sobre a importância da aceitação da família pra os jovens homossexuais. O post acabou viralizando e está servindo de inspiração para muitas pessoas. 

“Espero que se algum dia a gente volte a se olhar nos olhos, mas por hora, preciso me curar, e isso significa deixá-los”, diz ele na carta comovente. 

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Alerta! Mãe revela que veias de seu filho explodiram ao girar rápido no balanço

Filha de Rafael Cardoso é internada às pressas e mãe faz revelação com grande alerta