in

‘Inimigo’ de Bolsonaro em 2018, Amor e Sexo fica fora da grade da Globo neste ano

TV Globo / Wikimedia Commons
Publicidade

No ano passado, com o acirramento da campanha eleitoral e a divisão entre a população, o programa Amor & Sexo, exibido pela Rede Globo, ficou no centro da ira de eleitores do então candidato Jair Bolsonaro.

O programa amargou baixos índices de audiência em todo o Brasil e chegou a preocupar a cúpula da Globo, que não sabia o que fazer para elevar os números registrados pela atração.

À época, foi divulgado que a Globo não exibiria mais o programa devido aos baixos índices. A notícia foi comemorada por muitos seguidores do agora presidente nas redes sociais naquele momento.

Publicidade

O Amor & Sexo abordava pautas consideradas progressistas. Em uma das edições da temporada de 2018, Fernanda Lima leu um texto feminista que foi encarado como indireta a Bolsonaro.

Publicidade

O discurso, que foi ao ar em novembro, havia sido gravado antes da vitória do presidente. No final de outubro, Bolsonaro havia sido eleito com 58 milhões de votos na disputa contra Fernando Haddad (PT).

Nesta terça-feira (9), o jornalista Fefito divulgou em seu blog no portal da Jovem Pan que o programa não será exibido neste ano, como já era esperado por muita gente, tanto por quem gosta do programa como por quem não gosta.

Segundo ele, o motivo para a não exibição é a gravidez de Fernanda Lima. A apresentadora espera o seu terceiro filho e a Globo decidiu cancelar a nova temporada do programa já que ela dará à luz ainda neste ano.

A filha dela e de Rodrigo Hilbert deve nascer nos Estados Unidos, onde o casal mora com seus outros dois filhos. Fernanda Lima vem para o Brasil para trabalhar ou para eventos como a Parada Gay, em São Paulo, no mês passado.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br