in

Luto: cantor das multidões que teve derrame cerebral não resiste: ‘Anjo que se foi’

Cifras / Fernando
Publicidade

O luto é um sentimento difícil de ser lidado. O ano de 2019, em especial, está marcado pelas muitas perdas de celebridades. Nessa terça-feia, 2, por exemplo, o portal de notícias The Star noticiou mais uma morte importante. Morreu o cantor Halil Chik. A morte ocorreu ainda no domingo, mas o artista foi enterrado no Cemitério Muçulmano Ukay Perdana, na Malásia, às 17h30. de segunda-feira, 1. 

Morte de cantor deixa fãs chocados

Halil, cujo nome real era Abdul Halil Chik, foi declarado morto às 7 da manhã de domingo no Hospital Ampang.  O cantor, que era popular na década de 1970, foi internado no hospital em 19 de junho, após um derrame.  Seu filho, Alif, de 23 anos, disse que seu pai pode ter dado seu último suspiro enquanto dormia. 


“Eu dormi no hospital com ele ontem à noite, mas quando me levantei esta manhã, ele parecia ter parado de respirar. Então, chamei o médico para fazer uma checagem e, 20 minutos depois, o médico disse que ele morreu”,
disse Alif a repórteres quando se encontrou após a oração fúnebre na mesquita Bukit Antarabangsa. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Nas redes sociais, alguns fãs disseram que Halil era um anjo que foi ao céu.  O presidente da Associação de Artistas da Malásia, Datuk Freddie Fernandez, que foi recebido no funeral, disse que a morte de Halil foi uma enorme perda para a indústria da música da Malásia. 

Ao descrever Halil como uma estrela muito talentosa, Freddie também expressou a esperança de que os feitos e contribuições da cantora, especialmente sua famosa canção Lenggang Mak Limah, continuassem a ser apreciados e valorizados.

Publicidade
Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.