in

Klopp e a última do mercado: venda de Salah por nova joia africana

Diario AS
Publicidade

O treinador alemão Jurgen Klopp está disposto a perder Mohamed Salah, a fim de garantir uma transferência que ele está buscando faz algum tempo. O jogador egípcio está sendo muito falado para uma saída de Anfield Road, já desde a temporada passada e, dessa vez, Klopp poderia não se importar mais. Claro que a saída de Salah traria muitos milhões de volta para o Liverpool e, com esse dinheiro, o treinador poderia se reforçar mais ainda. 

Publicidade

No fundo, foi isso mesmo que Klopp fez quando Philippe Coutinho foi embora. Por essa altura, se falou muito que o Liverpool ficaria muito enfraquecido, mas a verdade é que com o dinheiro do Barcelona por Coutinho, o Liverpool contratou o goleiro Alisson e o zagueiro Virgil Van Dijk, e ficou mais forte ainda. Em um ano e meio, desde que Coutinho foi embora, o Barça conseguiu duas finais de Champions, ganhando mesmo essa segunda final, contra o Tottenham. 

Publicidade

Favorito de Klopp

Também por isso, no Liverpool todos confiam na decisão de Jurgen Klopp, em não se importar demasiado com essa possível saída de Salah. O time certamente que iria seguir forte, com outras soluções. Um dos favoritos de Klopp, nesse mercado, é o atacante do Lille Nicolas Pépé. 

O jogador tem apenas 24 anos e é uma das estrelas da Liga francesa. O craque joga na seleção da Costa do Marfim e Klopp gostaria de contar com o craque no ataque do Liverpool. De acordo com o site Pásion Futbol, é por isso que o treinador alemão não está preocupado em perder Mohamed Salah da equipe, desde que o jogador africano jogue em seu lugar.

Publicidade
View this post on Instagram

🖐🏾 bravo à la team ❤️❤️ @losclive

A post shared by Nicolas Pepe (@nicolas.pepe19) on

Negócio mais próximo

As negociações por Pépé são no momento a grande prioridade do Liverpool. Não se sabe ainda quanto o Lille vai pedir por o craque africano, mas de acordo com o site Transfermark, o jogador vale 65 milhões de euros. A venda de Salah também os ajudaria a completar outros reforços para que o Liverpool possa concorrer novamente pela Premier League. 

Publicidade

Leia Também

Luto no cinema: morre grande diretor que já foi denunciado por abuso

Primeiro cego a se tornar padre em Portugal será ordenado em breve