in

Messi pede o galáctico que o Barça mais precisa (e não é Neymar)

Jornal O Globo
Publicidade

Um dos maiores problemas que Leo Messi detetou no Barça desde a saída de seu amigo Dani Alves é que ninguém foi capaz de ocupar o lado direito da defesa com segurança. O Barça já tentou alguns jogadores para a posição, mas a verdade é que essa é uma das principais carências. Também por aí, se percebe que Messi comina muito mais seu jogo com o lateral esquerdo, Jordi Alba, quando antes, ele fazia isso com Dani Alves. Isso prova que a lateral direita tem dificuldades e o time busca nova solução. 

Publicidade

Tentativas no Barça

Sergi Roberto mostrou muitas qualidades, especialmente físicas, quando a equipe ainda seguia os padrões do Barça de Guardiola, algo que aconteceu ainda com Luis Enrique, mas isso não está acontecendo com Ernesto Valverde e, em seguida, as deficiências são vistas em um jogador que não é lateral em sua formação. A verdade é que Sergi foi treinado para ser meia e ele sempre sente dificuldade defensivos nas partidas mais exigentes. Os problemas que Sadio Mané deu a ele na partida contra o Liverpool ou Gonçalo Guedes, na final da Copa do Rei, mostram que ele não é um defensor de elite.  

Publicidade

Nelson Semedo nunca teve continuidade no Barça e apesar de esse ano ter feito uma época mais regular, o lateral português mostrou apenas que o seu físico é melhor que Sergi Roberto e está mais preparado para o trabalho defensivo, mas no ataque apesar de estar na mesma banda que Leo Messi não conseguiu contribuir com nada de positivo para o Barça. 

 Pedido de Leo Messi

Por essa razão, Leo Messi estaria pedindo um lateral direito de alto nível, que possa combinar bem no ataque e que garanta segurança na defesa. O favorito seria Joshua Kimmich, o internacional alemão do Bayern de Munique.

Publicidade

O jogador do Bayern de Munique foi novamente uma das figuras do time campeão da Alemanha. Kimmich fez dois gols e deu 13 assistências, números muito acima de qualquer um dos laterais do Barça, e que provam que ele poderia realmente fazer a diferença no Barça. 

Publicidade

Leia Também

Movimentos no Barça: seis vendas, um reforço e duas novidades

Repórter é agredido ao vivo por manifestantes fora de si em protesto pela educação