in

Reviravolta: verdade sobre a causa da morte de modelo na passarela enfim é revelada

Reprodução O Globo

Recentemente, uma tragédia assustou os brasileiros. Um modelo acabou falecendo em plena a passarela. Ele é Tales Cotta e tinha apenas 25 anos, quando tudo aconteceu. O caso ocorreu no São Paulo Fashion Week, o principal evento de moda do país. 

Nesta quinta-feira, 23 de maio, a verdade sobre o caso enfim foi revelada. O modelo tinha uma provável doença no coração, só que ela não estava diagnosticada. O problema em Tales era tão sério que que levou o modelo a ter um edema no pulmão. Esse é o laudo oficial do Instituto Médico Legal (IML). 

O laudo agora vai ser colocado junta o inquérito que investigava morte do modelo. No entanto, essa está longe de ser a última fase em torno do triste fato. Falta ouvir o depoimento do agente do modelo, para depois concluir a investigação e enviá-la à Justiça. Mas como, até este momento, não há indícios de crime, o mais provável é o que o caso seja considerado uma fatalidade e arquivado. 

O exame deixa claro ainda que a doença no coração do modelo podia nem mesmo ser conhecida por ele, o que complicou o problema. 

O IML ainda descartou outras hipóteses de morte para o modelo. Uma delas foi uma possível intoxicação alimentar. Outra está no fato do modelo ser vegano. Três médicos ouvidos pelo G1, portal de notícias da Globo, que não tiveram o nome identificados, lembraram que o laudo do IML não deixa claro que tipo de doença no coração o modelo tinha.

A família de Tales não comentou a novidade no caso. No entanto, antes da revelação, a mãe do modelo, chegou a tirar a culpa da agência que cuidava da carreira do rapaz. 

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

16ª temporada de Grey’s Anatomy: 5 personagens queridinhos que deveriam voltar

Idosas fazem tatuagem inusitada para comemorar 30 anos de amizade