in

Nicole Bahls revela passado das panicats e surpreende com detalhes: ‘beijar o Rodela’

Reprodução / Record TV
Publicidade

Vira e mexe, uma das ex-panicats comenta sobre o passado dentro do Pânico, humorístico que foi exibido na RedeTV! e depois na Band, e as informações acabam virando assunto nas redes sociais. Dessa vez, foi Nicole Bahls quem falou sobre seus momentos dentro do programa e contou detalhes.

Ela foi questionada por colegas de confinamento do Power Couple, reality show exibido pela Record TV, se as panicats eram obrigadas a fazerem as matérias que iam ao ar dentro da atração, muitas delas arriscadas e consideradas de mau gosto.

Nicole, que trabalhou por oito anos no Pânico, contou detalhes. Ela disse que quem não fazia as matérias ficava na “geladeira” por um tempo, mas garantiu que ninguém era obrigado a nada. Ao ficar na “geladeira” e aparecer menos na TV, as campanhas das panicats diminuíam. Quanto mais matérias, mais trabalhos, explicou a ex-panicat.

Publicidade

“Ninguém é obrigado a nada, o que você passa na vida é o que você se permite passar”, explicou a artista. Ela contou também que algumas panicats tinham preferências. “A gente gostava. Tinha que beijar o Rodela, que era banguela, a Juju e a Bolina já sabiam que iam tirar de letra”, recordou. Rodela é um artista de rua de São Paulo que aparece em alguns programas de TV.

Publicidade

Ela falou também sobre o quadro “andando sob a água”, que era gravado em uma represa de Bragança, de madrugada. Havia uma ponte transparente e quem errasse, tinha que secar o cabelo e gravar novamente.

Segundo ela, Bolina era a participante que mais aguentava. Nicole e Marcelo Bimbi estão confinados na casa do Power Couple. O programa apresentador por Gugu Liberato vai ao ar de segunda a sexta-feira.

Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br