in

Aconteceu de novo: atiradores invadem escola com 1.800 alunos e há mortos e feridos

Reprodução: CNN
Publicidade

Nos últimos anos, notícias de atentados ocorridos em escolas tem apavorado muitos países, inclusive o Brasil. Nesta terça-feira (7), em Denver, no Colorado, nos Estados Unidos, um ataque foi realizado em uma escola que tem cerca de 1.800 alunos.

Publicidade

De acordo com informações divulgadas pelo canal CNN, o ataque ocorreu por volta das 14h (17h em Brasília). A STEM School Highlands Ranch, que atende alunos do jardim de infância ao colegial, foi alvo dos tiros. Quando os policiais chegaram ao local ainda era possível ouvir os disparos.

Publicidade

Os policiais detiveram dois suspeitos, informou o sub-xerife do Condado de Douglas, Holly Nicholson-Kluth. Um terceiro suspeito de ter participado dos ataques está sendo procurado pela polícia.

O triste saldo até o momento mostra que oito pessoas ficaram feridas no ataque, mas não foi informada a gravidade de cada caso. Uma pessoa, cuja identidade ainda não foi revelada, morreu.

Publicidade

Logo depois do atentado, a escola foi fechada por razões óbvias. O STEM School Highlands Ranch foi fechado no dia 17 de abril por ordem do FBI, que emitiu um alarme informando que uma potencial atiradora estava viajando para o Colorado.

O estado do Colorado foi alvo daquele que é um dos massacres mais conhecido. Em 1999, dois estudantes atiraram contra professores e colegas de Columbine. Treze pessoas morreram. O atentado virou até documentário e povoa o imaginário popular.

Desde então, outros ataques ocorreram nos Estados Unidos. No Brasil, os casos mais famosos foram os de Realengo, no Rio de Janeiro, e o de Suzano, em São Paulo.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Dembélé pode entrar em uma troca galáctica do Barça

Flamengo recebe proposta de R$ 22 milhões e William Arão pode estar a caminho da Itália