in

Beijo gay marca Libertadores, e ídolo desabafa: ‘Qual é o problema?’

Reprodução / Folha
Publicidade

Um flagrante em um jogo da Libertadores está dando o que falar. O Atlético Nacional estava em campo, quando dois torcedores foram flagrados se beijando em meio à uma multidão. Desde então, a dupla tem sido alvo de ataques homofóbicos nas redes sociais. 

Publicidade

Sensibilizado com a situação, o ex-goleiro René Higuita utilizou sua página no Twitter para defender o casal de homens e o beijo gay. Higuita questionou qual era o problema da imagem. Ele lembrou ainda que o casal gay não estava causando qualquer mal à outras pessoas, mas só expressando o amor. 

Publicidade

Veja abaixo a publicação feita pelo jogador Higuita, na qual defende o direito dos torcedores do time rival em demonstrarem gestos de carinho em um estádio de futebol:

https://twitter.com/higuitarene/status/1125474918718681090/photo/1?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1125474918718681090&ref_url=https%3A%2F%2Fwww1.folha.uol.com.br%2Fesporte%2F2019%2F05%2Fhiguita-defende-torcedores-de-comentarios-homofobicos-por-beijo-gay.shtml

Publicidade

Higuita ainda fez questão de dizer que o clube era uma família e que o registro era uma prova disso. O ex-goleiro disse também que isso era o mais lindo do futebol, pois a paixão pelo esporte acabava unindo pessoas bem diferentes em prol de um bem comum. 

A imagem havia viralizado na Colômbia com muitos comentários homofóbicos, especialmente de torcedores rivais do Atlético Nacional.

O post de Higuita já foi retuitado mais de 11 mil vezes, a maior parte das vezes com mensagens de apoio ao goleiro e elogiando sua atitude anti-homofóbica. Muitos estão valorizando o fato de que alguém de dentro do futebol estar atacando a homofobia.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.