in

Reviravolta: polícia investiga se houve crime na morte de Carol Bittencourt

Foto/Reprodução: Purepeople
Publicidade
Publicidade

Nesta terça-feira, 30 de abril, o corpo da modelo Carol Bittencourt foi encontrado pelas autoridades. Inicialmente, a causa da morte da famosa é afogamento. No entanto, segundo a Marinha do Brasil e a Polícia Civil, não descartam nenhuma hipótese. O inquérito, inclusive, vai avaliar se Carol teria morrido antes ou depois de cair na água. 

O marido de Carol Bittencourt, que estava com ela no barco, por exemplo, pode ser ouvido. A lancha onde o casal estava ainda vai ser periciada. O principal objetivo é comprovar que não houve assassinato, ou se não houve um problema no barco que justifique a queda da modelo. 

Publicidade

O órgão da Marinha informou que não havia irregularidade administrativa na embarcação e a principal linha de investigação é que o acidente tenha sido causado pelo mau tempo.

As autoridades revelaram que não devem ainda ouvir o marido hoje, respeitando o luto dele. O casal está junto desde janeiro desse ano.  O casamento deles foi de luxo e teve grande repercussão na mídia. 

Publicidade

O corpo da modelo passou por exames no Instituto Médico Legal (IML) de Caraguatatuba na noite desta segunda e os laudos devem ajudar na investigação. O resultado deve ficar pronto em cerca de 30 dias. Do Instituto Médico Legal, ele foi levado para São Paulo, onde será velado em cerimônia reservada a familiares.

Vale lembrar que no dia em que houve a tragédia com Carol, os ventos chegaram a 120 km/h. Outras embarcações que estavam na região também foram afetadas por esse forte vento. Houve, inclusive, um resgate de uma família que ficou à deriva durante as tempestades. 

Publicidade

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.