in

Ator da Globo tenta filmar culto na Universal, clima esquenta e ele é expulso da igreja

Reprodução Instagram Paulo Betti / Universal.org
Publicidade

Durante um culto em um dos templos da Igreja Universal do Reino de Deus, dirigida por Edir Macedo, o ator Paulo Betti, da Rede Globo, tentou gravar a reunião evangélica e uma confusão se formou no local.

Publicidade

Paulo Betti postou em suas redes sociais o vídeo do momento em que ele é impedido por um segurança do local. Na postagem, ele chama o profissional da igreja de brutamontes e diz que sua câmera quase foi quebrada. 

Publicidade

Nas redes sociais, onde postou o vídeo e depois apagou, o ator recebeu críticas e apoio de seus seguidores. Um internauta afirmou que Paulo Betti não estava em um teatro nem em um show, mas sim em um templo sagrado. O homem disse ainda que naquele local se adora a Jesus Cristo Nazareno. 

Betti respondeu que não viu a imagem do Nazareno, mas só do Edir Macedo – um vídeo do líder da Universal era exibido no telão no momento em que o ator fez a gravação. Diante da polêmica, a Igreja Universal se manifestou por meio de sua assessoria e convidou o ator para visitar formalmente uma de suas igrejas espalhadas por todo o território nacional.

Publicidade

Em seu comunicado, diferente da versão do ator de que quase teria tido a câmera quebrada, a Universal afirmou que ele foi “educadamente alertado de que não são permitidos registros de imagem no interior dos templos”.

No vídeo, é possível ver um segurança indo em direção ao ator e dizendo que não pode filmar no local. Paulo Betti argumenta que na igreja católica pode filmar e pede que o segurança mostre onde está escrito que é proibido filmar.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Power Couple Brasil 4: confira a dinâmica do reality que estreia nesta terça-feira (30)

‘Passei por 30 quimioterapias e estou grávida’, diz ex-modelo abandonada pelo namorado