in

Bolsonaro toma decisão histórica sobre porte de armas de fogo

Adriano Machado/Reuters - Política Estadão
Publicidade

O presidente da República, Jair Messias Bolsonaro divulgou uma decisão histórica sobre o porte de armas de fogo no Brasil. Atualmente não é proibido, porém é muito difícil para um cidadão comum portar armas de fogo.

O presidente anunciou um projeto e também um decreto que será feito. O projeto será enviado, nas próximas semanas, à Câmara dos Deputados para a aprovação da liberação do porte de armas de fogo para quem quer defender a própria vida, patrimônios privados ou a vida de terceiros.

Tudo foi dito nesta quinta-feira, e sobre o decreto, trata-se das regras de porte de armas de fogo que serão alteradas para praças militares, colecionadores, caçadores e atiradores esportivos. Segundo Bolsonaro, estes precisam de mais respeito do Governo Federal.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Ainda não foi detalhado pelo presidente, como serão os detalhes do decreto. Entretanto, Bolsonaro afirmou que terão surpresas e muitas novidades: “Teremos novidades. É o que vocês querem. O que a gente pretende é tratar os colecionadores, atiradores e caçadores com o devido respeito que eles merecem”.

Bolsonaro contou que já está tudo acertado com o Ministério da Defesa e que em breve será anunciado este decreto. Já sobre a aprovação de um excludente de ilicitude a cidadãos que fazem uso de armamentos em legítima defesa da própria vida ou da propriedade não fica ao alcance de um decreto somente, pois também precisa de uma aprovação no Congresso Nacional.

Durante toda a campanha, Bolsonaro utilizou da liberação das armas de fogo para ganhar votos, agora vem tentando cumprir sua promessa.

Publicidade
Publicidade
Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: [email protected]