in

Cartola: Palmeiras ‘despreza’ Globo, mas ela dá a volta por cima e reina absoluta

Globo

A Globo já tem ótimos motivos para comemorar a volta do Cartola. Mesmo sem o Palmeiras, a emissora dos Marinho faturou alto nos primeiros 15 dias.

O Palmeiras foi o único clube que não chegou a um acordo financeiro com a Rede Globo, mas o fantasy garantiu um bom lucro para a emissora carioca.

O valor arrecadado já ultrapassa a casa dos sete milhões. Faltando apenas dez dias para o início do Campeonato Brasileiro, mais de 175 mil assinantes já realizaram a assinatura pró Cartola estipulada em R$ 39,90. Novos usuários deverão pagar o valor de R$ 49,90.

Mesmo tendo um bom lucro, o valor arrecadado pela emissora está abaixo do conquistado  no ano passado. Em 2019, a emissora contou com vários times e acabaram tendo um faturamento de R$ 16 milhões só com assinaturas.

Neste ano, porém, a emissora conseguiu lucrar com a venda das cotas digitais que incluem o jogo. Cada uma das partes que foram vendidas estavam avaliadas em R$ 12 milhões. Apesar de não ter o Palmeiras garantido, a emissora carioca se mostra animada para ter o time completo. No dia do lançamento, o edito do jogo Carlos Leitão disse: “A gente nem pensa nessa possibilidade (de jogo sem Palmeiras). Está confiante que vai fechar”. Na ocasião, ele chegou a dizer que caso não ocorresse o acordo, valeria somente a pontuação do adversário nos jogos disputados.

Se o Palmeiras não aceitar, o fantasy irá computar pontuação dos outros 19 clubes da série A, inclusive nas partidas em que forem disputadas contra o time paulista. O UOL Esportes apurou, que a negociação entre clube e emissora segue travada, mas o otimismo da platinada segue para ter um desfecho positivo.

Leia Também

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.

Bolsonaro faz homenagem a Arnold Schwarzenegger e o que dá ao ‘fortão’ surpreende

Palmeiras quer contratar Pedro e faz proposta acima dos R$ 40 milhões