in

Efeito bola de neve: a operação que relaciona Cavani, Messi e Zidane

Goal
Publicidade

O Barça segue muito bem, essa temporada. O time tem a liga espanhola quase ganha, está na final da Copa e ganhou uma vantagem importante, nas quartas de final da Champions. Vitória por 1 a 0, no Old Trafford, que deixa o caminho aberto para as semifinais, que o Barça vai tentar confirmar no jogo de volta, no Camp Nou. Porém, nem tudo corre bem no time de Leo Messi, e tudo indica que Philippe Coutinho não vai seguir na próxima temporada. 

Barcelona com um problema com Philippe Coutinho

O jogador continua jogando de início, no ataque com Suárez e Messi, mas com a recuperação de Ousmane Dembélé, deverá ser o francês a se juntar no tridente. Em Barcelona, ​​eles acreditam que a ansiedade de Andrés Iniesta não estar mais lá e a pressão de ter custado  140 milhões de euros está prejudicando o brasileiro.

Publicidade

A diretiva do Barça quer impedir outro caso como André Gomes e espera vendê-lo a um preço razoavelmente alto neste verão, antes que o jogador se desvalorize. Porém, essa venda tem que ser bem pensada, porque no Barça todos sabem do valor de Coutinho e, como tal, não vão querer deixar o jogador sair para um rival, nem na Espanha, nem na Champions. 

Publicidade

PSG vai tentar juntar Coutinho e inicia a bola de neve

O PSG seria, então, o grande interessado na contratação de Coutinho, que gostaria de juntar a Neymar. O time francês estaria disposto a pagar 120 milhões de euros pelo criativo brasileiro, um valor que agrada em Barcelona. Mas é aqui que pode começar o efeito bola de neve, de que se fala. 

Publicidade

Para conseguir esses 120 milhões, o PSG estaria pensando vender Edison Cavani para o Liverpool, de Jurgen Klopp. E essa chegada, abriria o caminho do Real Madrid para conseguir Sadio Mané, o atacante senegalês do Liverpool que Zidane tanto quer. 

Ou seja, a saída de Coutinho pode mesmo ser ruinosa para o Barcelona, de acordo com o Don Balón, e Messi, como a diretiva do Barça, teriam muito que pensar, antes de iniciar esta bola de neve, que pode acabar prejudicando o time. 

Publicidade