in

Se você têm dormência nas mãos com frequência, é melhor ficar atento; saiba mais

rsaude.com
Publicidade

Popularmente conhecida pela sensação de ‘formigamento’, a dormência nas mãos pode ter diversas causas, desde má posição a doenças mais graves.

Aqui vamos falar sobre alguns problemas que geralmente levam ao formigamento e ao adormecimento das mãos. Preste muita atenção, e caso surja alguma dúvida, é melhor buscar ajuda médica.

1- Derrame cerebral

Em algumas ocasiões, o adormecimento pode ser um alerta de um problema maior. Este é o caso dos derrames cerebrais. O adormecimento ou fraqueza nesse caso costuma ser frequente e acaba afetando um lado do corpo. Quem sofre com derrame cerebral também pode ter dificuldade em levantar um dos braços. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O derrame cerebral é extremamente perigoso, por isso é necessário verificar outros sintomas relacionados. Quanto mais cedo identificar o problema, maiores vão ser as chances de recuperação. 


2- Síndrome do túnel do carpo 

Nesse caso, a dormência é característica pela compressão de um dos principais nervos da mão. Quando identificado o problema da síndrome do túnel do carpo em um estágio avançado, necessário passar por uma cirurgia.


3- Doença de Lyme 

Essa doença é transmitida através da picada de carrapatos infectados. De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças, ocorrem mais de 30 mil casos por ano nos Estados Unidos. Os sintomas são variados, mas em geral começam com febre e erupções cutâneas. 

Nesse caso, a dormência pode ser sinal de uma doença de Lyme que não foi tratada. Vale ressaltar que esse sintoma aparece na segunda etapa da infecção. Caso a pessoa não procure ajuda médica, isso pode levar a sérios problemas com o sistema nervoso e cardíaco. 


4- Neuropatia Diabética 

Este é caso onde pode afetar pessoas que têm diabetes. O alto nível de açúcar no sangue acaba prejudicando os nervos do corpo, o que acaba levando ao surgimento do problema. Essa condição pode até causar complicações mais graves, como a perda de uma extremidade.  

É necessário ficar atento e consultar um especialista. 

Publicidade
Publicidade