in

Vídeo mostra suposto caso de ‘racismo reverso’ e motivo real vem à tona

R7
Publicidade

Um vídeo voltou a ser espalhado nas redes sociais, mostrando um supostocaso de ‘racismo reverso’, em que uma mulher branca apanha de homens negros. A realidade, no entanto, não parece ser bem essa.

A mulher realmente levou um tapa na cara do primeiro homem que a aborda e, em seguida, leva um soco de outro, que chega por trás e a derruba. O ato foi todo filmado pelos próprios agressores e divulgado por um rapper chamado BRR Négeu, em 2010.

O vídeo divulgado, na verdade, não apresenta um caso de ‘racismo’ por parte dos negros. Segundo o e-farsas, tudo teria acontecido após a mulher ter negado passar o seu número de telefone para o homem que a abordou.

Publicidade

A nacionalidade dos que estavam foi encontrada, porém a notícia que roda na Internet diz que eles são “imigrantes africanos agredindo uma mulher na Europa”. O que é falso, pois se tratam de amigos de um rapper e cogita-se que o próprio artista tenha envolvimento no caso. O rapper teria nascido em Mali, um país predominante habitado por muçulmanos (cerca de 90% da população).

Publicidade

Segundo o jornal Fdesouche, o caso aconteceu na França, na cidade de Bobigny, entre o Centro Comercial 2 e a Esplanada da Prefeitura. Durante o vídeo, o site francês traduziu o que estava sendo dito pelos homens que a agrediu.

Isso é para as garotas que não querem dar seus números de celular, aquelas que não querem cooperar. Isso é o que acontece, e bem rápido. Morrendo de rir. Boboch (Bobigny), os caras são loucos!“, foi o que eles disseram no vídeo, divulgado nas redes sociais do rapper, que supostamente está envolvido na agressão.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com