in

Foto mostra João de Deus completamente abatido e extremamente magro

Foto: Ibahia / Divulgação

O médium João de Deus já foi um dia o líder espírita mais conhecido e respeitado do Brasil. Atualmente, no entanto, ele passa os dias na cadeia e responde a crimes graves. Centenas de mulheres denunciam João de Deus pro crime de abuso sexual. 

O espírita está internado em um hospital de Goiás, em Goiânia, sob custódia. Após ser preso, João teria entrado em uma grave depressão e até pensado em se matar. Ele também passa por problemas de saúde e se recupera observado por diversos hospitais. 

A jornada do paranormal também não é nada fácil.

Conforme a DGAP, seguindo o mesmo regime do presídio, João de Deus só pode ser visitado às quintas-feiras, no horário entre 8h e 10h. A exceção é para advogados, que podem vê-lo sempre que acharem necessário.

Uma das pessoas mais ricas de Abadiânia, em Goiás, onde montou seu centro espiritual, João de Deus agora aparece bem mais magro e barbudo. Ele também aparece extremamente abatido, quando comparado a fotos antigas.

Veja abaixo a foto que mostra como João de Deus está nos dias atuais. O registro surpreendeu muitos que acompanham há anos o trabalho do médium:

Essa não é a primeira vez que João de Deus é internado durante a prisão. Logo após a chegada dele no presídio de Goiás, o paranormal apresentou uma grave infecção urinária, precisando de auxílio médico. 

Vale negar que João e sua defesa negam os crimes pelos quais ele é acusado. Ele trabalhava como líder espírita há mais de 30 anos e diz que essas acusações são uma maneira de tentar tirar a credibilidade do seu trabalho. 

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Leo Dias faz revelação sobre Claudia Rodrigues, mas é detonado: ‘Não vou permitir fake news’

Emoção e dor: estudantes retornam à escola em Suzano, treze dias após massacre