Michelzinho Temer é duramente atacado após prisão do pai

Leia também

Prefeito tenta acalmar a população sobre coronavírus: ‘Todos nós seremos contaminados’

Prefeito do município de Limeira tenta acalmar a população pela pandemia do coronavírus.

O que o segurança de Bolsonaro fez com a equipe da Globo é surpreendente

Profissional surpreendeu apoiadores de Bolsonaro e solicitou respeito aos jornalistas que ali trabalhavam.

Kelly Key deixa filha cortar seu cabelo em live e surta com resultado

Através de uma live Kelly Key e sua filha fizeram alguns procedimentos de beleza.

Grêmio pensa em fórmula ‘Paulo Nunes’ para reforçar equipe em meio à crise

Efeitos da crise causada pela pandemia do novo coronavírus devem afetar negócios do futebol.
Bruno Avila
Redator de futebol e política desde 2016. Hoje um dos profissionais mais lidos da 1News.
Publicidade

Na Internet, o ex-presidente Michel Temer sempre foi alvo de muitas piadas, ainda mais agora que ele foi preso preventivamente pela Operação Lava-Jato do Rio de Janeiro.

Temer, de 78 anos, é casado com Marcela Temer, de 35, e ambos têm um filho, o Michelzinho, que hoje tem apenas 10 anos de idade. O filho mais novo do ex-presidente tem um canal no YouTube, algo completamente comum entre as crianças hoje em dia.

Publicidade

O nome de seu canal é ‘Vood02’, o mesmo nick que ele utiliza nos games. No canal, Michelzinho já mostrou viagens, fatos sobre ele e também conversou muitas vezes em frente as câmeras sobre assuntos aleatórios. Trollagens eram os vídeos mais comuns em seu canal.

Entretanto, a vida de uma criança que aparenta ser super feliz ficou atormentada nesta semana. Com a prisão de seu pai, Michelzinho não foi poupado de comentários maldosos e muitas brincadeiras nas redes sociais. Após tantos comentários negativos, o Youtuber de apenas 10 anos proibiu a interação com o público.

Publicidade

Marcela Temer

Por outro lado, quem também parece estar sofrendo muito com a prisão de Michel Temer é Marcela Temer, sua esposa. Ela está sendo alvo de muitas brincadeiras, principalmente depois da notícia em que ela estaria em estado de choque e desesperada.

Temer deixou a presidência da República ao final de 2018 e passou a posse para o atual presidente Jair Messias Bolsonaro. Nas eleições de 2018, Michel apoiou Henrique Meirelles, porém sua votação não obteve grande apoio popular e a campanha seguiu sem chances de vitória.

Publicidade