in

Defesa Civil corre contra o tempo para evitar milhares de mortes em Barão de Cocais

Twitter/HackingOfficial
Publicidade

Em Barão de Cocais, Minas Gerais, a estrutura de uma barragem da Vale está no nível 3 de emergência e a qualquer momento poderá entrar em colapso e romper. A lama chegaria rapidamente a uma região onde há mais de 3 mil moradores e a grande preocupação agora é evitar que estas pessoas sejam soterradas, caso a barragem da Mina de Gongo Soco venha a romper.

Publicidade

A Defesa Civil, a Polícia Militar e Corpo de Bombeiros estão no local debatendo sobre como será feito o treinamento com as pessoas que moram na região. Cerca de 450 moradores foram retirados de suas casas no dia 8 de fevereiro, quando as sirenes foram acionada pela primeira vez este ano. Com este novo alerta, a Defesa Civil está correndo contra o tempo para deixar todos preparados para uma fuga, caso a barragem venha mesmo a romper.

Publicidade

“A preocupação agora é a zona secundária onde que essa lama demora aproximadamente uma hora para chegar. Nós temos esse curto espaço de tempo para retirar essas pessoas”, informou o tenente-coronel Flávio Godinho.

Já existe um plano de contingência, mas os moradores da área de risco não têm ideia do que devem fazer e nem para onde ir, caso a barragem venha a romper, por isso as equipes de resgate estão no local preparando um treinamento imediato.

Publicidade

Um dos moradores acha um absurdo isto, alegando que as autoridades esperaram subir de nível 2 para nível 3, para que esse treinamento fosse dado e, mesmo assim, não há nada pronto, as equipes de resgate estão conversando para ver o que deve ser feito.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Russel

Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: russelmy@yahoo.com.br

Rachel Sheherazade na Globo? Jornalista está na mira de emissora, mesmo com multa milionária

Ataque terrorista com carros-bombas causam mortes e deixam vários feridos