in

Teste de raciocínio lógico: divida este bolo em 8 pedaços iguais com apenas 3 cortes

Publicidade

Não vale vir conferir a resposta sem antes pensar um pouco em ‘como cortar este bolo em 8 pedaços iguais com apenas 3 cortes’, hein? Mas se quer apenas conferir se você está certo, aqui tem a resposta! E vai se surpreender em como é mais fácil do que possa imaginar.

O ‘truque’ nesse desafio de raciocínio lógico é ‘pensar fora da caixinha’. Isso significa que você não pode considerar apenas cortes tradicionais de bolo. Se imaginar com uma faca em mãos, fazendo cortes verticais na massa, não vai ajudar a chegar à resposta. 

Então, já sabe como conseguir esta proeza? Esse é um teste de raciocínio lógico… O que permite que seu cérebro possa desenvolver meios diferenciados para conseguir resolver o desafio proposto. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Vamos lá: os dois primeiros cortes são simples. Tomando cuidado para seguir a orientação de “oito pedaços iguais” no final, faça dois cortes em forma de uma cruz. Com esses primeiros movimentos, já chega-se a quatro bolinhos iguais, ok? 

Mas então chega o pulo do gato! Como fazer quatro pedaços se transformarem em oito com apenas um corte? Se pensou em fazer um corte redondo, saiba que você errou! 

Com o terceiro corte redondo, fazendo um círculo no meio do bolo, você até alcança os oito pedaços exigidos, mas eles não terão tamanhos iguais. 

O terceiro corte correto é usando a faca no sentido horizontal. Divida o bolo em duas camadas, como é feito para para recheá-lo. Desta forma, chega-se a oito pedaços de igual tamanho com apenas 3 cortes.  

Gostou do desafio? Então compartilhe com os amigos para ver quem está em dia com o raciocínio lógico!

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Mayra Michel

Escrito por Mayra Michel

Jornalista por formação e vocação. Apaixonada pelos desafios da escrita e pelo aprendizado diário do Português. Na caminhada da Comunicação desde 2004, ainda tem muito o que viver nessa profissão que "quem conhece, não esquece jamais" (sim, sou mineira!). Fique à vontade para falar comigo: [email protected]