in

Mulher late para cachorro policial durante blitz e o pior acontece

G1
Publicidade

Diariamente, inúmeros foragidos da justiça são capturados e levados a cumprir pena pelos crimes cometidos. Muitos são pegos em casa, na rua, passeando com a família, chamando atenção das autoridades após cometerem outros crimes ou até mesmo sendo pegos com a mão na massa no mundo fora da lei.

Publicidade

Embora a prisão de foragidos possa parecer uma tarefa difícil de ser realizada com sucesso, muitas vezes o foragido facilita a vida da polícia e praticamente se entrega com atitudes, comportamentos ou ações suspeitas.

Publicidade

A frase “perdeu uma chance de ficar calado” nunca fez tanto sentido como fez nessa história. Uma mulher foi presa no dia 4 de fevereiro desde ano após ter latido para um cão policial no estado americano de Indiana

A situação se deu na cidade de Lafayette. Os agentes do departamento de polícia local faziam uma blitz de trânsito quando a jovem kiana Champagne Fletcher, de 20 anos de idade, que estava parada na frente de casa olhando o que a polícia fazia, resolveu começar a latir para um cachorro policial que farejava um carro parado na blitz.

Publicidade

Imediatamente, Kiana, que possuía em sua ficha dois mandados de prisão, sendo um por furto e outro por dirigir sem habilitação, foi reconhecida pelos policiais que participavam da ação no trânsito.

A jovem ainda tentou fugir correndo para dentro de casa, mas os agentes de segurança conseguiram efetuar sua prisão após conseguirem um mandado de busca. Além da jovem, dentro da casa foram encontradas drogas que servirão para mais uma acusação contra Kiana.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Higor Mendes

Corretor de Imóveis, cursou até o 3º semestre de Engenharia de Pesca na Universidade Federal Rural da Amazônia e atualmente é graduando em História na UNP. Apaixonado por História da Segunda Guerra Mundial, Política, Futebol e curiosidades em geral.