in

Urgente! Rede secreta na Internet estimula novos ataques como o da escola em Suzano

HackerNoon/Montagem-Russel

A polícia já sabe que os dois atiradores que promoveram o ataque na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, São Paulo, não agiram sozinhos. Ontem mesmo um jovem de 17 anos ficou no Fórum por quase três horas prestando depoimento e os investigadores também já descobriram a existência de alguns grupos na dark web que incentivam estas barbaridades.

Estes fóruns, conhecidos como ‘chans’, não podem ser rastreados pela Internet e contam com pessoas que incentivam a prática da pedofilia, racismo e ataques dos mais diversos possíveis.

A ‘Folha’ resolveu monitorar alguns destes fóruns e descobriu que os membros estão sendo estimulados a promoverem novos massacres tomando como base o que aconteceu em Suzano.

Um dos relatos diz que André Garcia disse no ano passado que iria ‘partir’ deste mundo e os membros disseram que se ele fosse tirar a própria vida, que ‘levasse a escória junto’. Em junho de 2018, o sujeito de 29 anos saiu de casa com uma arma, atirou em uma mulher que nunca tinha visto e quando foi cercado pela polícia, atirou contra o peito, vindo a morrer depois de um mês. Ele se tornou um ‘herói’ para os chans na dark web.

Após o massacre em Suzano, estes chans já não são mais tão secretos, a descoberta destes fóruns serviu de alerta para a polícia e profissionais especializados estão mergulhando fundo na dark web para identificar quem são estas pessoas e quais seriam os próximos ataques que elas estão planejando.

O massacre em Suzano foi planejado com mais de um ano de antecedência e só não fez mais vítimas fatais porque já tinha um carro da polícia próximo à escola, que estava indo atender ao chamado de um tiroteio em um lava-jato. Um dos jovens assassinos atirou contra o tio e depois foi para a escola colocar o plano em ação.

A polícia foi acionada e quando estava passando perto da escola Raul Brasil viu o Onix Branco, mesmo carro visto no crime anterior. Se os dois atiradores tivessem ido direto para a escola, os policiais demorariam bem mais para chegar lá e enquanto isso, mais inocentes estariam perdendo a vida.

O grande desafio para a polícia agora é impedir novos massacres e as autoridades sabem que no submundo da Internet os criminosos estão se reunindo e planejando tudo.

Leia Também

Escrito por Russel

Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: russelmy@yahoo.com.br

Next post

Vai sair? Milan prepara oferta ‘de cair o queixo’ para tirar Everton, do Grêmio

A emocionante história do menino que morreu nos braços do pai, que se fingiu de morto