in

Pânico na África: sobe para 20 o número de mortos em escola que desabou na Nigéria

G1 / Montagem: Nado News

A pobreza que assola países africanos é muito difícil de se acompanhar. A falta de estrutura do país atinge também repartições do governo e deixa perceptível toda a falta de organização e a precariedade nos serviços para resgatar vítimas de uma escola infantil que desabou na Nigéria nesta última quarta-feira (13). 

De acordo com agências internacionais de mídias e notícias, as operações de buscas depois do desabamento da instituição de ensino em Lagos, entraram somente nesta quinta-feira (14) ou seja, dois dias depois. Até o momento foram divulgados o número oficial de vinte mortos, mas não se sabe quantos desaparecidos existem.

O que espanta é que pode ter pessoas vivas, entre crianças e adultos, porém a falta de equipamentos e também de bombeiros com esse tipo de qualificação, estão causando o desespero em familiares e amigos das vítimas.

A confusão é tamanha que não se sabe nem ao certo se está correto o número de resgatados com vida. A Reuters diz que foram 50 pessoas resgatadas, já a Agência Nacional de Gerenciamento de Emergências contabiliza 37 pessoas.

Algumas testemunham afirmam que haviam mais de 100 crianças no prédio quando ele veio a baixo. Mas o gerente-geral da Agência Estatal de Gerenciamento de Emergência de Lagos, Adesina Tiamiyu, disse que não tinha esse número.

O desespero para resgatar as vítimas era tamanho que o primeiro trabalho foi realizado por moradores das redondezas. Uma multidão tomou conta da frente do prédio que aplaudia a cada criança resgatada com vida.

Leia Também

Escrito por Nado News

Sou formado em Sistemas de Informação com pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em T.I. Além de atuar como programador há 8 anos, trabalho também como redator há cerca de 3 anos, o que fez despertar uma nova paixão. Tanto que, atualmente, sou graduando em Letras - Português e Inglês. Escrevo sobre tudo o que envolve o mundo do entretenimento, além de falar sobre esportes e as principais notícias do dia a dia. Pode entrar em contato comigo através do e-mail nado_news@hotmail.com .

Next post

Escola em luto: alunos e professores dão abraço da paz no local onde houve o massacre em Suzano

Cachorrinha conquista a web ao se ‘entregar’ à polícia juntamente com o dono que foi preso