in

Vídeo: youtuber é espancado por PMs até ficar inconsciente em bloco de Claudia Leitte

Fotomontagem: Caras/G1/ Rômulo Nogueira
Publicidade

O youtuber Guigo Kieras passou por um sufoco no último sábado que por pouco não acabou em tragédia. Ele foi curtir a folia de pós-Carnaval com um amigo, mas acabou sendo vítima de policiais que o espancaram até que ele ficasse inconsciente.

O youtuber estava curtindo a folia do bloco da cantora Cláudia Leitte, em São Paulo. Porém, um forte temporal caiu fazendo com que o show fosse interrompido. Para se proteger ele e o amigo, João Henrique Félix, tentaram se abrigar embaixo de uma churrascaria que ficava próximo ao local.

O problema supostamente começou quando um grupo de policiais que também estava no local onde eles se abrigaram para fugir da chuva, pediram para que eles se retirassem, pois queriam exclusividade na utilização do espaço.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Para não contrariar as autoridades, o youtuber foi com o amigo para debaixo de uma árvore, onde ficaram abraçados para se proteger da água, mas o ato teria provocado a fúria dos PMs. Irridados, os policiais começaram a bater nos rapazes.

João teve ferimentos, mas conseguiu correr, mas o youtuber teria sido arrastado até um beco pelos policiais onde acabou sendo espancado até ficar inconsciente.

View this post on Instagram

E assim foi o final do meu bloco neste último sábado. Fui na companhia de alguns amigos no bloco Largadinho, na Barra Funda. Estava muito feliz pois sou fã da Claudia Leitte e tudo estava muito leve e descontraído. Quase no final do circuito, uma chuva muito forte começou, obrigando o público a procurar por abrigo. Tentei com um amigo me abrigar embaixo de uma marquise na Avenida Marques de São Vicente, onde um grupo de policiais militares se protegiam e fomos impedidos, um dos policiais informou que não podíamos ficar ali, sem questionar saímos e andamos mais alguns metros, nos alojando embaixo de uma árvore próxima dessa marquise, onde não havia ninguém e fiquei abraçado com ele para me proteger do frio, nisso um policial começou a gritar dizendo que ali também não podíamos ficar, eu questionei porque não havia motivo aparente para não poder, fomos em seguida perseguidos por 4 a 5 PMs que nos batiam com cassetetes, chegando a me perseguir na rua, me levar a força para uma rua afastada, onde levei socos, chutes e fui desacordado por uma mata-leão. A última coisa que lembro antes de perder a consciência foi de pedir para não morrer, e segundos após acordar, me recordo de pedir pra ir embora. Fui chutado para a rua, onde, sangrando muito pela boca e rosto, saí em busca de ajuda. O que mais me dói não é o que passou comigo, mas é saber que essa é a realidade de milhares de jovens brasileiros, que dependem desses profissionais despreparados e desequilibrados. Precisamos de segurança, de respeito, e, principalmente, de mais amor no coração. Tá difícil…

A post shared by Guigo Kieras (@guigokieras) on

O que a polícia não imaginava é que Guigo é um grande digital influencer, com milhares de seguidores nas redes sociais e a história repercutiu muito neste início de semana.

Segundo o capitão Osmário Ferreira, porta-voz da PM, os policiais que aparecem no vídeo foram afastados.

Em solidariedade ao drama vivido pelo youtuber, a cantora Cláudia Leitte e Pabllo Vittar prestaram sua solidariedade pelo acontecido e repudiaram o ato de violência contra Guigo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Rômulo NC

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.