in

Faustão surpreende e também quer saber ‘quem mandou matar Bolsonaro?’

Reprodução / TV Globo / YouTube Direita Unida
Publicidade

O apresentador Fausto Silva, da Rede Globo, tomou uma atitude surpreende em seu programa exibido neste domingo (10). Depois de uma polêmica envolvendo o presidente Jair Bolsonaro, no começo do ano, e ele, Faustão questionou as investigações da facada que Bolsonaro recebeu em setembro do ano passado.

O apresentador fez uma chamada anunciando a reportagem do Fantástico sobre o caso Marielle Franco, vereadora do PSOL que foi assassinada em março do ano passado e cujo caso ainda não foi resolvido.

Faustão, porém, completou dizendo que o público também aguarda a o término das investigações do atentado que Bolsonaro sofreu em Juiz de Fora, no dia 6 de setembro, enquanto fazia campanha política.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O agressor, Adélio Bispo de Oliveira, está preso, mas aliados e eleitores de Bolsonaro aguardam a definição. Vira e mexe muitos deles aparecem nas redes sociais querem saber “quem mandou matar Bolsonaro?”.

Na última semana, informações mostravam que Adélio pode ter problemas mentais e que teria agido sem a influência de ninguém. Pesa contra o homem que tentou assassinar Bolsonaro o fato de que ele foi filiado ao PSOL, partido que faz oposição ao presidente, e também os advogados que foram pagos anonimamente para defender Adélio.

A atitude de Faustão de questionar o desenrolar das investigações surpreende porque aliados de Bolsonaro criticam parte da mídia por falar pouco sobre o caso. No Twitter, internautas comentaram a postura do apresentador.

“Faustão cobrou explicação para o caso da Marielle e da facada do Bolsonaro. E ainda completou dizendo que: ‘quem paga imposto deve receber o mínimo’ kkkk surpreendeu”, comentou um internauta.

Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!