in

Bolsonaro comemora aumento de seguidores no Twitter após vídeo polêmico

Reprodução / Twitter Bolsonaro
Publicidade

Presidente do Brasil desde o dia 1º de janeiro, Jair Bolsonaro chegou ao poder contando com a força das redes sociais. Desde meados de 2016, ele é o político com maior número de seguidores nas redes.

Na terça-feira (5), Bolsonaro causou polêmica ao postar no Twitter um vídeo gravado durante um bloco de rua de São Paulo em que homens aparecendo realizando atos obscenos.

Depois da repercussão do vídeo com conteúdo sexual, Bolsonaro só cresceu no microblog. Até às 18h25 de segunda-feira, Bolsonaro tinha 3.435.711 seguidores, de acordo com o site Poder360. Na quarta-feira, às 16h15, alcançou 3.499.214 seguidores.

Publicidade

Os dados mostram que o presidente ganhou 63.503 seguidores em dois dias. Na madrugada desta sexta-feira, por volta das 1h, Bolsonaro já tinha chegado a 3.613.439 seguidores. Isso significa que o chefe do Executivo realmente cresceu acima da média após publicar o vídeo polêmico.

Publicidade

Em relação ao conteúdo do vídeo, houve quem defendesse a atitude Bolsonaro ao expor parte da realidade dos carnavais de rua do Brasil. Por outro lado, o presidente foi bastante criticado e muitos internautas comentaram que não é adequado ao líder da nação postar este tipo de conteúdo nas redes sociais.

A postagem de Bolsonaro também repercutiu entre os políticos brasileiros e internacionalmente. Apesar das muitas críticas, o presidente pareceu não se abater. Nesta quinta, ele fez um transmissão ao vivo no Facebook, de pouco mais de 20 minutos, e prometeu fazer uma live todas às quintas, por volta das 18h30.

Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br